Bem-estar nas organizações

Meditação em ambiente de trabalho

Como uma visão integral, holística, espiritualizada das organizações nos poderá ajudar na busca do bem-estar no tempo passado no trabalho?

As relações de baixa espiritualidade nas equipas são muito comuns em Portugal. Gente sem alegria, desmotivada, insatisfeita, reivindicativa, isto ao contrário das relações espiritualizadas onde as pessoas vêem para além das dificuldades, utilizando formas criativas, solidárias, bem- humoradas, tendo orgulho no que fazem, possibilitando o crescimento, o desenvolvimento e a interdependência.

Que práticas podemos implementar, de modo a trazer a serenidade para estes ambientes? Hoje proponho a meditação.

Meditação de 20 a 30 minutos em grupo no início do dia de trabalho.

Propicia uma melhor relação entre funcionários e com eles mesmos. Ajuda a lidar melhor com todos os públicos relacionais, evitando conflitos e tensões pessoais, permitindo que todos se centrem e se encontrem no desenvolvimento de uma mesma energia, agora optimizada, na organização.

Assim, treinaremos a paciência, a comunicação conscientemente e a escuta activa. Maior desenvolvimento energético e serenidade.

A meditação aumenta a capacidade de abrir os canais de energia do corpo, libertando-nos dos bloqueios mentais e emocionais. Deste modo alteramos a nossa atitude interior, interferindo, igualmente, na energia que nos rodeia.

Nota do Director

As opiniões expressas nos artigos de Opinião apenas vinculam os respectivos autores.

Paulo Vieira de Castro

Paulo Vieira de Castro

Autor na área do bem-estar nos negócios, práticas educativas e terapêuticas. Diretor do departamento de bem-estar nas organizações do I-ACT - Institute of Applied Consciousness Technologies (USA).

Subscreva a nossa newsletter.

Pub