Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quarta-feira, Outubro 27, 2021

ARSLVT anuncia contratação de 88 novos médicos para os centros de saúde

centro-de-saúde-arslvt

Os médicos de família que vão começar a entrar nos centros de saúde, Já no próximo mês de Setembro, candidataram-se a vagas no serviço público de saúde, mas sujeitaram-se a níveis de ponderação diferente na avaliação e estão a assinar os contratos em tempos desfasados, contra as orientações da Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS).

Entretanto, a Administração de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) anunciou a contratação de 88 Médicos de Família. Como resultado do referido concurso, a ARS afirma que mais 167.200 utentes passaram a ter médico. Cada um dos novos clínicos terá uma lista de 1900 pessoas.

Mas não é pelo anúncio da ARS que o sindicato dos médicos, Sim, aceita o processo de contratação. Pelo contrário. Em novo comunicado, de 18  deste mês, recorda que “36.100 utentes vão ficar sem médico”, devido à  “ânsia  da ARSLVT em contratar e anunciar Médicos de Família e à inércia da ACSS”. Os números que o sindicato aponta referem-se à diferença entre as 107 vagas que existiam e os 88 contratos realizados.

O sindicato volta a pôr em causa os concursos regionais e ainda por cima desfasados. Este processo levou, segundo o comunicado, a que ” 19 vagas para Médico de Família ficassem por ocupar”. O Sim defende que “o concurso deve ser um único a nível nacional”.

Distribuição dos médicos por centros de saúde segundo a ARSLVT

ACES Nº de contratos assinados 2015
Almada Seixal 9
Amadora 3
Arco Ribeirinho 5
Arrábida 4
Cascais 6
Estuário do Tejo 5
Lezíria 5
Lisboa Central 7
Lisboa Norte 4
Lisboa Ocidental e Oeiras 4
Loures/Odivelas 9
Médio Tejo 3
Oeste Norte 3
Oeste Sul 8
Sintra 13
Total  88

 

Ver mais: Médicos colocados em todo o País por concursos regionais

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -