Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quarta-feira, Outubro 27, 2021

O lugar onde as certezas moram

Paulo Vieira de Castrohttp://www.paulovieiradecastro.pt
Autor na área do bem-estar nos negócios, práticas educativas e terapêuticas. Diretor do departamento de bem-estar nas organizações do I-ACT - Institute of Applied Consciousness Technologies (USA).

Assinalando a substituição da essência pela aparência a tecnologia fundamenta o fim da razão ante o espectáculo de existir sem alma. A isso Alfieri  apelidou do “meio mais certo de viver longamente em segurança”.

Dostoievsky, em seu socorro, garantiu  que a “liberdade dá medo. Os homens são pássaros que amam o voo, mas têm medo dos abismos. Por isso abandonam o voo  trancando-se em gaiolas… As gaiolas são o lugar onde as certezas moram”.

E quem é, afinal, este adorador de certezas? Para a maior parte de nós, responder à pergunta “quem sou eu?” é tarefa para várias vidas. Contudo, bastará mudar a questão  para “quem não sou eu?”  e tudo estará bem mais facilitado.

Então. Eu tenho medo mas eu não sou o medo.  Eu errei mas eu não sou o erro.  Do mesmo modo, eu tenho um corpo mas não sou o corpo. E, assim começamos a perceber a diferença entre “eu” e “meu”.

Surge, agora, um  estado de  lucidez resultante do entendimento do processo do “eu sou”. Esta  consciência, instância subjectiva que consente a  percepção que a alma tem da sua própria existência, permite que cada um de nós o seja intrinsecamente. Isto é, a experiência pura “do que realmente sou”.

No tempo presente, a indústria dos consensos sustentada pela tecnologia e pela ciência, arrasta-nos para um mundo onde o indivíduo surge por oposição a si mesmo,  tornando-se deus de si próprio. Ou seja, na versão contemporânea daquele que foi outrora, o homem lobo de si mesmo.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -