Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quarta-feira, Junho 19, 2024

CNE e Igreja Católica de Timor-Leste alinham estratégia para eleições

J.T. Matebian, em Timor-Leste
J.T. Matebian, em Timor-Leste
Correspondente em Timor-Leste.

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) de Timor-Leste reuniu-se no dia 2 de Fevereiro de 2023 com o Cardeal Virgílio do Carmo da Silva, Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de Díli, para comporem estratégias e acções que contribuam para a paz e estabilidade antes, durante e depois das eleições parlamentares de 2023.

O Presidente da CNE, José Agostinho da Costa Belo Pereira, e o Cardeal Virgílio do Carmo da Silva, em Conferência de Imprensa, reafirmaram a determinação em assegurar a cooperação entre a CNE e a Conferência Episcopal Timorense (CET).

As acções comuns podem incluir actividades de educação cívica junto da população, principalmente envolvendo a juventude, momentos de reflexão e o envio de equipas para observar as eleições.

CNE de Timor-Leste, em Colmera, Díli

A Delegação da CNE, para além do seu Presidente, incluiu três Comissários, o Vice-Presidente (Domingos Barreto), a Secretária (Odete Maria Belo) e um Vogal (Olavio da Costa Monteiro de Almeida), bem como, dois membros do Gabinete do Presidente, o Chefe de Gabinete (Evangelino de Jesus de Fátima) e a Assessora Teresinha Cardoso.

Segundo José da Costa Belo Pereira, a CNE também pretende ter um encontro com o Núncio Apostólico do Vaticano em Timor-Leste, Monsenhor Marco Sprizzi, e com outras entidades.

A data das Eleições Parlamentares de 2023 serão anunciadas pelo Presidente da República, ainda este mês, e tudo indica que deverão realizar-se na primeira quinzena de Maio de 2023.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -