Diário
Director

Independente
João de Sousa

Domingo, Julho 21, 2024

Começou a campanha eleitoral em Timor-Leste!

J.T. Matebian, em Timor-Leste
J.T. Matebian, em Timor-Leste
Correspondente em Timor-Leste.

Há 17 partidos políticos concorrentes às Eleições Parlamentares de 2023 e registos de 890 mil no país e no estrangeiro. Os partidos mais votados deverão ser o CNRT, a FRETILIN, o PST, o KHUNTO e o PD.

O Presidente da República Democrática de Timor-Leste (RDTL) marcou Eleições Parlamentares para 21 de Maio de 2023 (Decreto-Presidencial nº 9/2023 de 13 de Fevereiro) e em cumprimento do Calendário Eleitoral, tornado público pelo Secretariado Técnico de Administração Eleitoral (STAE), a campanha teve início hoje, dia 19 de Abril, e termina a 19 de Maio de 2023.

Partidos políticos que iniciaram a campanha eleitoral

N º Nome do Partido Cabeça de Lista
1 Partido Desenvolvimento Nacional (PDN) Lucas Soares
2 Partido Liberta Povo Aileba (PLPA) Jorge Conceição Teme
3 Partido de Libertação Popular (PLP) Taur Matan Ruak
4 Partido Democrático (PD) Mariano Assanami
5 Kmanek Haburas Unidade Nacional Timor Oan (KHUNTO) Armanda B. Santos
6 Partido Os Verdes de Timor (PVT) Tomás Silva Aparício
7 União Democrática Timorense (UDT) Francisco D. X. Carlos
8 Partido Unidade de Desenvolvimento Democrático (PUDD) Silvester  Xavier S. Efi
9 Partido Republicano (PR) João M.S. Saldanha
10 Unidade Nacional Democrática da Resistência Timorense (UNDERTIM) Francisco Guterres
11 Frente Revolucionária de Timor-Leste Independente (FRETILIN) Mari Amude Alkatiri
12 Congresso Nacional de Reconstrução Timorense (CNRT) K. R. Xanana Gusmão
13 Centro de Acção Social Democrata Timorense (C-ASDT) Aida Maria O. Soares
14 Movimento Popular de Libertação Maubere (MPLM) Vitor Manuel Ximenes
15 Partido Socialista de Timor (PST) Avelino Coelho
16 Partido Democrata Cristão (PDC) Francisco de Araújo
17 Associação Popular Monárquica Timorense (APMT) Agostinho Gomes

 

Os partidos concorrentes participaram há dias no sorteio para a posição no boletim de voto e depois foram impressos exemplares modelo. Os representantes oficiais dos partidos tiveram que assinar o boletim modelo como manifestação da concordância com a bandeira, o símbolo e foto do partido estampados no boletim de voto. Depois de todos manifestarem a sua concordância, a Imprensa Nacional de Timor-Leste vai imprimir mais de 960 mil boletins de voto.

Assinatura de compromisso em relação à posição no Boletim de Voto

Até ao início do dia de hoje os únicos partidos políticos que tornaram os programas eleitorais públicos, disponíveis nas redes sociais, foram o Partido Socialista de Timor (PST) e o Congresso Nacional de Reconstrução Timorense (CNRT).

 

Observadores eleitorais da CPLP e da ASEAN em Timor-Leste

A partir do dia 17 de Maio começarão a chegar os observadores eleitorais internacionais da Rede de Órgãos Jurisdicionais e de Administração Eleitoral (ROJAE) da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), num total de 13 observadores:

  • ANGOLA: Gilberto Neto (Comissário da CNE), João Damião (Comissário da CNE) e José Luís Carneiro (Director de Tecnologias de Informação da CNE).
  • CABO VERDE: Cristina Leite Bastos (Vice-Presidente da CNE e Chefe da Missão em Timor-Leste), Elba Pires (Comissária-Secretária da CNE) e Arlindo Tavares (Comissário da CNE).
  • MOÇAMBIQUE: Fernando Mazanga (Vice-Presidente da CNE) e Aleixo Mapsanganhe (Técnico de Comunicação e Imagem da CNE).
  • PORTUGAL: Soreto de Barros (Presidente da CNE), João de Almeida (Comissário da CNE) e Ilda Rodrigues (Coordenadora de Serviços).
  • TOMÉ E PRÍNCIPE: José da Costa Barreiros (Presidente da CEN) e Admaier de Sousa (Assessor).

Dos países da ASEAN, Timor-Leste prevê a participação de representantes da Asia Democratic Network (ADN), uma rede activa em mais de 40 países da Ásia, e também da KPU –  Komisi Pemilihan Umu (Comissão Eleitoral Geral da Indonésia), da Agência de Supervisão das Eleições Gerais (BAWASLU) da Indonésia e de Kupang e da Comissão Eleitoral da Tailândia.

 

Boletim de voto – Eleição Parlamentar 2023 Timor-Leste

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -