Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Maio 26, 2022

Crescimento da China cai para uns “míseros” 4%

Atenção, este é o número oficialmente reconhecido pelo PC chinês, para o último trimestre de 2021.

Recorde-se que qualquer taxa de crescimento do PIB chinês abaixo dos 7% é “negativa”, ou seja, a China não consegue, com crescimentos abaixo dos 7%, satisfazer as exigências da estratégia de expansão económica e de “harmonia” social interna. Sendo conhecida a forma como o PC chinês lida com as estatísticas, estes oficiais “4%” revelam a existência de graves problemas estruturais na economia chinesa, confirmando a tese do nosso amigo George Friedman sobre a enorme fragilidade da economia chinesa.

E assinalam também o fim da era dourada do crescimento acima dos 7% que o boom das importações euro-americanas (UE+USA) havia potenciado…


Exclusivo Tornado / IntelNomics

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -