Diário
Director

Independente
João de Sousa

Terça-feira, Julho 23, 2024

El Aaiun: Saharauis rompem cerco e exigem autodeterminação à chegada de enviado das NU

Isabel Lourenço
Isabel Lourenço
Observadora Internacional e colaboradora de porunsaharalibre.org

Horst Koehler, enviado pessoal do secretário geral das Nações Unidas para o Sahara Ocidental chegou na tarde de quinta-feira, dia 28 de Junho, à capital do Sahara Ocidental ocupado.

PortuguêsEnglish

El Aaiun: Saharauis rompem cerco e exigem autodeterminação à chegada de enviado das NU

Horst Koehler, enviado pessoal do secretário geral das Nações Unidas para o Sahara Ocidental chegou na tarde de quinta-feira, dia 28 de Junho, à capital do Sahara Ocidental ocupado.

 

As autoridades de ocupação marroquinas “limparam” a cidade durante duas semanas efectuando detenções arbitrárias, invasões domiciliárias e cercos à população saharaui.

 

Na manhã de quinta-feira a cidade estava deserta (ver video 1) mas após a aterragem de Horst Koehler no aeroporto de El Aaiun a população saharaui saiu à rua exigindo a autodeterminação e retirada imediata de Marrocos deste território que foi invadido em 1975 e continua ocupado militarmente até ao dia de hoje.

 

 

As autoridades iniciarem de imediato uma nova ofensiva contra a população.

 

Apesar do silêncio absoluto na imprensa internacional e a ausência de qualquer meio de comunicação nesta visita, as imagens obtidas via telemóvel são prova que o povo saharaui não aceita a ocupação nem o plano de autonomia que Marrocos quer impor.

 

O simples facto de não haver imprensa estrangeira no local (proibição absoluta de entrada no território) é indicador do regime de terror e repressão imposto por Marrocos aos saharauis.

 

Desde 1991 que existe um cessar fogo entre a Frente Polisario e Marrocos, que foi assinado com a premissa da realização de um referendo mas Marrocos obstaculiza há 27 anos a realização do mesmo mantendo a população sob um cerco vitima de graves violações de direitos humanos.

 

A visita de Koehler faz parte da ronda pela região (Argélia, Mauritânia, Campos de Refugiados, Rabat, Territórios ocupados do Sahara Ocidental e Madrid) o último encontro realizar-se-á em Madrid no próximo dia 1 de Julho, e tem como objectivo o reinicio das negociações entre as partes.

El Aaiun: Sahrawis break siege and demand self-determination upon arrival of UN envoy

Horst Koehler, the personal envoy of the United Nations Secretary-General for Western Sahara arrived in the afternoon of Thursday 28 June in the capital of occupied Western Sahara.

 

The Moroccan occupation authorities “cleaned” the city for two weeks by carrying out arbitrary arrests, house-raids and sieges to the Saharawi population.

 

On Thursday morning the city was deserted (see video 1) but after Horst Koehler’s landing at El Aaiun airport, the Sahrawi population went out to the streets demanding self-determination and immediate withdrawal from Morocco of this territory that was invaded in 1975 and continues occupied to this day.

 

 

The authorities immediately started a new offensive against the population.

 

Despite the absolute silence in the international press and the absence of any means of communication in this visit, the images obtained by mobile phone prove that the Saharawi people do not accept the occupation nor the autonomy plan that Morocco wants to impose.

 

The mere fact that there is no foreign press  (absolute prohibition of entry into the territory) is indicative of the regime of terror and repression imposed by Morocco on the Saharawis.

 

Since 1991, there has been a cease-fire between the Polisario Front and Morocco, which was signed on the basis of a referendum, but Morocco has been hampering it for 27 years, keeping the population under siege with grave violations of human rights.

 

Koehler’s visit is part of the tour of the region (Algeria, Mauritania, Refugee camps, Rabat, Occupied Territories of Western Sahara and Madrid). The last meeting will be held in Madrid on 1 July. This tour has the goal to launch the resumption of negotiations between the parties.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -