Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Janeiro 20, 2022

Espanha é a principal porta de entrada dos “migrantes” na Europa

José Mateus
Analista e conferencista de Geo-estratégia e Inteligência Económica

“Bombardearam” a polícia espanhola com “cocktails” improvisados de ácidos e de cal (e também excrementos humanos), para os manter à distância enquanto escalavam as “muralhas” de Ceuta e assim ganhavam a sua “entrada na Europa”. Numa explosão de alegria, correram pelas ruas, desfraldaram uma bandeira da União Europeia e um ainda teve tempo de gritar, para uma câmara de televisão, “on est des militaires”… Essa condição militar explicaria, aliás, a boa forma física destes migrantes e a sua capacidade para “bombardear” os polícias espanhóis, fazendo-lhes 7 feridos e conseguindo mantê-los à distância.

Somando os que forçam a entrada em Ceuta e os que chegam por mar às praias espanholas, a Espanha tornou-se já (depois de Salvini fechar os portos italianos) a principal porta de entrada dos migrantes na Europa. O desejado destino final é, porém, outro que não a Espanha: a Alemanha…

 

Exclusivo Tornado / IntelNomics

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante  subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -