Diário
Director

Independente
João de Sousa

Segunda-feira, Janeiro 24, 2022

Este «ser» é da mesma escola

Hélder Costa
Actor, dramaturgo e encenador do Teatro A Barraca.

Eu tinha jurado que nunca mais falava sobre o gajo que manda na América. Sim, na América, não é só nos Estados Unidos. Não queremos perceber o que se passa no Brasil, na Argentina, Guatemala e Paraguai que também vão mudar a capital de Israel, México, Chile, Peru e outros países subordinados às assinaturas que a Besta exibe e mostra à pobre Humanidade?

Mas agora, o Animal fez uma declaração de guerra. Realmente, de guerra. E os comentários são: é insensato, é louco… isso é um perigo porque pode haver guerra!

Mas ainda ninguém percebeu que ele quer a Guerra? De preferência Universal e exterminadora? Porque os ricos ficam cada vez mais ricos e a festa para aniquilar países e populações ficaria sempre impune. Porque os chamados média / mídia em Brasileiro/ estão comprados para descarregar as culpas em pretos, mulatos , amarelos, socialistas, comunistas, e assim criam o MEDO, o MEDO HORRRÍVEL da ignorância. Que criam a cobardia e o gosto do subserviente e escravo.

É essa a aposta do Animal.

Até parece que ninguém sabe que o Hitler passou a vida em provocações para depois apelar à Paz e à concórdia entre os povos, para se ir mobilizando, armando, e corrompendo os seus ex-opositores (que, evidentemente, também terminaram nos campos de concentração).

O Hitler não brincava em serviço. E esta Besta é da mesma escola.

Receba a nossa newsletter

Contorne a censura subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -