Diário
Director

Independente
João de Sousa

Segunda-feira, Agosto 15, 2022

Marcos Valle | Um foguetão estrelar

José Alberto Pereira
José Alberto Pereira
Professor Universitário, Formador Consultor e Mestre em Gestão

Em 1980, Marcos Valle regressa ao Brasil, ansioso para participar na vida musical de um país em processo de redemocratização, disposto a ficar de vez no Rio de Janeiro.

É uma década de grande criatividade, com o lançamento de discos como “Vontade de rever você” (1981), “Marcos Valle” (1983) e “Tempo da gente” (1986), bem como de êxitos como “Estrelar” e “Bicicleta”. Nas colaborações, ao incontornável Paulo Sérgio juntavam-se Leon Ware, Eumir Deodato, Laudir de Oliveira, Peter Cetera, Erasmo Carlos e Vinícius Cantuária.

A partir dos anos 90, as suas músicas começam a ter sucesso nas pistas de dança de Londres, estendendo esse sucesso a outros países da Europa e no Japão. Discos como “The essential Marcos Valle” (1 e 2), “Previsão do tempo”, “O compositor e o cantor” e “Vontade de rever você” são lançados nos mercados europeu e japonês. Em 1998, assina com a editora londrina Far Out Recordings e lança 2 discos: “Nova bossa nova” e “Songbook Marcos Valle”, produzido por Almir Chediak, contendo parte expressiva de sua obra. Em 1999, apresentou-se no “Festival de Verão: Rio, sempre Bossa Nova”, projeto da Prefeitura do Rio de Janeiro realizado no Parque Garota de Ipanema. A intensidade das tournées, um pouco por todo o mundo, aumenta no final da década de 90 e mantém ritmo crescente nas 2 primeiras décadas do século XXI, incluindo Brasil, Estados Unidos, Japão, Canadá, Itália e vários outros países europeus. Em Portugal atua diversas vezes, em 2016, 2018 e 2019, com os Azymuth ou em nome próprio. O seu último concerto no nosso país foi em Espinho, onde a 13 de julho tocou ao ar livre com a Orquestra de Jazz local.

Simultaneamente, a produção musical não para. Em 2001 publica “Escape” e “Bossa entre amigos”, gravado ao vivo com Roberto Menescal, Wanda Sá e Patrícia Alvi. Em 2003 lança “Contrasts” e “Live in Montreal”, gravado com Victor Biglione. Em 2004 participa com Gilberto Gil e outros artistas na gravação do disco “Hino do Fome Zero”. No mesmo ano apresenta-se no Canecão, a mítica sala do Rio de Janeiro, no espetáculo “Bossa Nova in Concert”, ao lado de Johnny Alf, João Donato, Carlos Lyra, Roberto Menescal, Wanda Sá, Leny Andrade, Pery Ribeiro, Durval Ferreira, Eliane Elias, Os Cariocas e Bossacucanova. Em 2005 lança “Jet Samba” e participa em diversos espetáculos no Rio de Janeiro.

Em 2008, participa no espetáculo “Bossa Nova 50 anos”, realizado na Praia de Ipanema e que conta também com Carlos Lyra, Roberto Menescal, Oscar Castro Neves, Wanda Sá, Leila Pinheiro, Emílio Santiago, Zimbo Trio, Leny Andrade, Maria Rita, Fernanda Takai, João Donato, Bossacucanova e Cris Delanno. Também nesse ano lança com João Donato, Carlos Lyra e Roberto Menescal o disco “Os Bossa Nova”. No ano seguinte lança com Celso Fonseca o disco “Página Central”, que conta com 12 temas inéditos e a participação de Jaques Morelenbaum, Patrícia Alvi e dos Azymuth, com quem retoma a anterior colaboração. Em julho de 2011, a EMI brasileira lança a coletânea “Tudo”, que inclui todos os seus discos gravados para esta editora entre 1963 e 1974, bem como alguns temas inéditos, recuperados por Charles Gavin nos arquivos. Já em 2019 lança “Sempre”, com o selo da Far Out Recordings.

No total são 26 discos em nome próprio e 11 bandas sonoras, inúmeros prémios e milhares de espetáculos, um pouco por todo o mundo. São ainda sucessos como “Samba de verão”, “Os grilos”, “Estrelar”, Bicicleta”, “Preciso aprender a ser só” e “Terra de ninguém”, entre muitos outros, colaborações com quase todos as estrelas mais cintilantes da bossa. É muito groove e swing nordestino com jazz à mistura, numa cara de loiro carioca que há mais de 55 anos encanta os ouvidos de quem gosta de boa música.

 

Vídeos

 

 


Por opção do autor, este artigo respeita o AO90


 

Transferência Bancária

Nome: Quarto Poder Associação Cívica e Cultural
Banco: Montepio Geral
IBAN: PT50 0036 0039 9910 0321 080 93
SWIFT/BIC: MPIOPTPL

Pagamento de Serviços

Entidade: 21 312
Referência: 122 651 941
Valor: (desde €1)

Pagamento PayPal

Envie-nos o comprovativo para o seguinte endereço electrónico: [email protected]

Ao fazer o envio, indique o seu nome, número de contribuinte e morada, que oportunamente lhe enviaremos um recibo via e-mail.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -