Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Outubro 16, 2021

O power point de Bolsonaro/Moro

Tereza Cruvinel, em Brasília
Jornalista, actualmente colunista do Jornal do Brasil. Foi colunista política do Brasil 247 e comentarista política da RedeTV. Ex-presidente da TV Brasil, ex-colunista de O Globo e Correio Braziliense.

“Sergio Moro começou a provar a volta do cipó de aroeira. Gaguejou em seu pronunciamento quando reconheceu que nem Lula nem Dilma interferiam politicamente nas investigações da Polícia Federal”

Sergio Moro começou a provar a volta do cipó de aroeira. Gaguejou em seu pronunciamento quando reconheceu que nem Lula nem Dilma interferiam politicamente nas investigações da Polícia Federal. Dela, disse o nome completo.

A Lula, que condenou num processo que ainda pode ser anulado por conta de tantos vícios e da inconsistência das provas, referiu-se gaguejando ao “ex-presidente Luiz…”. A nova vida de Moro na planície começa prestando esclarecimentos ao STF sobre as acusações que fez a Bolsonaro.  E em breve o STF vai julgar a ação de Lula arguindo sua parcialidade.

O maior cretinice da Lava Jato contra Lula foi perpetrada pelo menino de ouro de Moro, o procurador Deltan Dallagnol, chefe da força-tarefa do Ministério Público,  quando acusou Lula de ser chefe de uma organização criminosa, apresentando um power point que caiu no ridículo.

Ontem a peça de Dallagnol inspirou outro slide de power point, mas ridicularizando o discurso patético em que Bolsonaro tentou responder às acusações de Bolsonaro. Fugindo da questão central – suas tentativas de controlar a PF com um diretor de sua escolha, justamente na hora em que avançam inquéritos que podem alcançar seus filhos e aliados que disseminaram fake news e  organizaram e financiaram o ato golpista de domingo passado – Bolsonaro divagou sobre temas impertinentes ao problema, que foram do desligamento do aquecedor da piscina do Alvorada aos namoros de seu filho.

Ria um pouco, porque o clima está pesado e vai ficar pior. O pico da pandemia vai começar e agora a crise política vai galopar.


Texto original em português do Brasil



Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -