Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Novembro 27, 2021

Peumonia mais letal que o Covid-19 atinge o Cazaquistão

Segundo a embaixada da China, houve 1.772 mortes por pneumonia no primeiro semestre no Cazaquistão, sendo 628 delas apenas em junho.

O Cazaquistão negou nesta sexta-feira (10) um alerta da China sobre uma epidemia de pneumonia que seria mais letal do que o coronavírus. A informação é do jornal Folha de S.Paulo.

A China divulgou um alerta de que um novo tipo de pneumonia, mais letal do que a gerada pelo novo coronavírus, teria sido detectada no Cazaquistão. O país vizinho, no entanto, negou essa informação e chamou o aviso de “fake news”.

(China diz que pneumonia mais letal que Covid-19 atinge Cazaquistão; país nega)

No entanto, a imprensa internacional como a CNN está a divulgar esta noticia, tento em conta os dois pontos de vista.

Em um comunicado, divulgado por um perfil oficial no aplicativo WeChat. a Embaixada da China avisou aos cidadãos chineses no Cazaquistão sobre um aumento significativo de casos em cidades como Atyrau, Aktobe e Shymkent desde meados de junho.

Segundo a embaixada, houve 1.772 mortes por pneumonia no primeiro semestre no país, sendo 628 delas apenas em junho, e que há chineses entre as vítimas.


Texto em português do Brasil

Fonte: Brasil247


 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -