Diário
Director

Independente
João de Sousa

Terça-feira, Julho 5, 2022

Titãs cantam: “Comida”

Comida critica uma sociedade que não valoriza a informação e a cultura. E, conforme frase proferida por uma artista plástica em uma palestra “o homem sem arte se embrutece”. Expressão genuinamente humana, a arte é a capacidade de abstração, através da qual se dá o processo de hominização.

A comida alimenta o corpo, mas não o espírito, e o ser humano precisa das duas coisas para ser “inteiro, não pela metade”. A poesia concreta da música da banda de rock paulista reflete o ambiente urbano contemporâneo, o homem fragmentado, dissociado de sua natureza, em uma sociedade massificada.

Comida

Composição: Arnaldo Antunes / Marcelo Fromer / Sérgio Britto/1987
Intérprete: Titãs

Bebida é água!
Comida é pasto!
Você tem sede de que?
Você tem fome de que?…

A gente não quer só comida
A gente quer comida
Diversão e arte
A gente não quer só comida
A gente quer saída
Para qualquer parte…

A gente não quer só comida
A gente quer bebida
Diversão, balé
A gente não quer só comida
A gente quer a vida
Como a vida quer…

Bebida é água!
Comida é pasto!
Você tem sede de que?
Você tem fome de que?…

A gente não quer só comer
A gente quer comer
E quer fazer amor
A gente não quer só comer
A gente quer prazer
Prá aliviar a dor…

A gente não quer
Só dinheiro
A gente quer dinheiro
E felicidade
A gente não quer
Só dinheiro
A gente quer inteiro
E não pela metade…

Bebida é água!
Comida é pasto!
Você tem sede de que?
Você tem fome de que?…

A gente não quer só comida
A gente quer comida
Diversão e arte
A gente não quer só comida
A gente quer saída
Para qualquer parte…

A gente não quer só comida
A gente quer bebida
Diversão, balé
A gente não quer só comida
A gente quer a vida
Como a vida quer…

A gente não quer só comer
A gente quer comer
E quer fazer amor
A gente não quer só comer
A gente quer prazer
Prá aliviar a dor…

A gente não quer
Só dinheiro
A gente quer dinheiro
E felicidade
A gente não quer
Só dinheiro
A gente quer inteiro
E não pela metade…

Diversão e arte
Para qualquer parte
Diversão, balé
Como a vida quer
Desejo, necessidade, vontade
Necessidade, desejo, eh!
Necessidade, vontade, eh!
Necessidade…


Texto em português do Brasil

Centro de Memória Sindical / Tornado

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

Titãs cantam: “Comida”

Caminhar

Além Tejo (1)

- Publicidade -