Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quarta-feira, Fevereiro 8, 2023

Beth Carvalho canta: “Saco de feijão”

Houve um momento em nossa história econômica em que a inflação altíssima corroia o valor de compra do salário dos trabalhadores. O Cruzeiro (Cr$), moeda do Brasil de 1942 a 1967, de 1970 a 1986 e de 1990 a 1993, entrou em vigor por causa da alta da inflação e da necessidade de haver uma contabilidade mais adequada.

Mas, mesmo com estes planos a inflação continou descontrolada e o dinheiro desvalorizado. Era um “saco cheio de dinheiro pra comprar um quilo de feijão”.

Disso que trata o samba bem humorado na voz da saudosa Beth Carvalho!

Saco de feijão

Composição: Francisco Santana/1977
Intérprete: Beth Carvalho

Meu Deus mas para que tanto dinheiro
Dinheiro só pra gastar
Que saudade tenho do tempo de outrora
Que vida que eu levo agora
Já me sinto esgotado
E cansado de penar, meu Deus
Sem haver solução
De que me serve um saco cheio de dinheiro
Pra comprar um quilo de feijão
Me diga gente
De que me serve um saco cheio de dinheiro
Pra comprar um quilo de feijão
No tempo dos “derréis” e do vintém
Se vivia muito bem, sem haver reclamação
Eu ia no armazém do seu Manoel com um tostão
Trazia um quilo de feijão
Depois que inventaram o tal cruzeiro
Eu trago um embrulhinho na mão
E deixo um saco de dinheiro
Ai, ai, meu Deus


Texto em português do Brasil

Exclusivo Editorial Rádio Peão Brasil / Tornado


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -