Diário
Director

Independente
João de Sousa

Terça-feira, Maio 24, 2022

Cristina Kirchner: A guerra midiática-judicial contra os líderes na América Latina foi exposta

“A guerra midiática-judicial contra os líderes da oposição na América Latina foi exposta”, afirma a ex-presidente da Argentina, Cristina Kirchner, sobre as revelações trazidas pelas conversas entre o então juiz Sergio Moro e os procuradores de Lava Jato.

A ex-presidente da Argentina Cristina Kirchner comentou o vazamento de conversas do juiz e agora ministro Sérgio Moro com os procuradores da Lava Jato. Para ela, a revelação trazida pela reportagem do The Intercept evidenciam “a guerra midiática-judicial contra os líderes da oposição na América Latina”. Critica enfrenta a mesma perseguição em seu país desde que saiu do poder.

“A guerra midiática-judicial contra os líderes da oposição na América Latina foi exposta”, afirma Cristina. “A acusação contra @LulaOficial desmoronou. Tem que acabar com a perseguição contra ele e deve recuperar a sua liberdade”, completou.


Texto em português do Brasil

Exclusivo Editorial Brasil247 / Tornado


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante  subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -