Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sexta-feira, Abril 19, 2024

Elza Soares lança disco «Deus É Mulher», ainda mais político

Depois da ótima recepção de “A Mulher do Fim do Mundo”, de 2015, que traz letras críticas contra o racismo e a violência contra a mulher, “Deus é Mulher” amplia a participação da cantora nas pautas feministas.

A cantora e compositora Elza Soares lançou nesta sexta-feira 18 o álbum “Deus É Mulher” e teve grande repercussão nas redes sociais. O nome do novo CD virou trending topic no Twitter.

Depois da ótima recepção de “A Mulher do Fim do Mundo”, de 2015, que traz letras críticas contra o racismo e a violência contra a mulher, “Deus é Mulher” amplia a participação da cantora nas pautas feministas. Há quatro faixas sobre mulheres.

Há ainda letras de protestos contra a intolerância religiosa e o projeto Escola sem Partido. As percussões são das mulheres do Ilú Obá de Min, tradicional bloco afro de Carnaval, além de flauta, quarteto de cordas, sintetizadores e guitarras.

Ouça o álbum abaixo:

Texto em português do Brasil

Exclusivo Editorial Brasil247 / Tornado

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -