Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Dezembro 9, 2021

EUROPEAN FILM AWARDS: Youth, de Paolo Sorrentino, é o favorito com cinco nomeações

Youth

Dois anos depois de ter vencido os Prémios do Cinema Europeu, com A Grande Beleza, Paolo Sorrentino é, de novo, um dos principais candidatos. Pelo menos, o seu mais recente filme, Youth, é o filme que recebeu mais nomeações pela Academia de Cinema Europeu para a edição deste ano dos EFA, com cinco das principais nomeações (Melhor Filme, Realizador, Actriz, Actor, Argumento). Com apenas quatro distinções, ficaram A Piegon Sat on a Branch Reflecting on Existence, do sueco Roy Andersson, Le Lobster, do grego Yorgos Lanthimos. A lista dos nomeados ao Melhor Filme contempla ainda Mustang e Rams. No próximo dia 12 de Dezembro, em Berlim, saber-se-a quem são os vencedores da edição deste ano dos Prémios do Cinema Europeu.

EFAMelhor Filme

A Pigeon Sat On A Branch Reflecting On Existence

Mustang

Rams

The Lobster

Victoria

Youth

Melhor Comédia

A Pigeon Sat On A Branch Reflecting On Existence

The Bélier Family 

The Brand New Testament

Melhor Realizador

Roy Andersson, A Pigeon Sat On A Branch Reflecting On Existence

Yorgos Lanthimos, The Lobster

Nanni Moretti, For My Mother

Sebastian Schipper, Victoria

Paolo Sorrentino, Youth

Małgorzata Szumowska, Body

Actriz

Margherita Buy, My Mother

Laia Costa, Victoria

Charlotte Rampling, 45 Years

Alicia Vikander, Ex Machina

Rachel Weisz, Youth

Actor

Michael Caine, Youth

Tom Courtenay, 45 Years

Colin Farrell, The Lobster

Christian Friedel, 13 Minutes

Vincent Lindon, The Measure Of A Man

Argumento

Roy Andersson, A Pigeon Sat On A Branch Reflecting On Existence

Alex Garland, Ex Machina

Andrew Haigh, 45 Years

Radu Jude & Florin Lazarescu, Aferim!

Yorgos Lanthimos & Efthimis Filippou, The Lobster

Paolo Sorrentino, Youth

Documentários

A Syrian Love Story

Amy

Dancing With Maria

The Look Of Silence

Toto And His Sisters

Prémio Discovery (Melhor 1º Filme)

Goodnight Mommy, de Veronika Franz & Severin Fiala

Limbo, de Anna Sofie Hartmann

Mustang, de Deniz Gamze Ergüven

Slow West, de John Maclean

Summers Downstairs, de Tom Sommerlatte

Filme de animação

Adama, de Simon Rouby

Shaun The Sheep, de Richard Starzak & Mark Burton

Song of The Sea, de Tomm Moore

Prémio Carlo Di Palma (Cinematografia): Martin Gschlacht, por Goodnight Mommy 

Melhor Edição: Jacek Drosio, Body (Cialo)

Melhor Design de Produção: Sylvie Olivé, por The Brand New Testament

Melhor Guarda Roupa:  Sarah Blenkinsop, por The Lobster

Compositor Europeu: Cat’s Eyes, por The Duke of Burgundy

Melhor Design Sonoro: Vasco Pimentel & Miguel Martins, As Mil e Uma Noites

Prémio de Carreira: Charlotte Rampling e Christoph Waltz

Melhor Curta-Metragem:

  • Dissonance, de Till Nowak (Alemanha)
  • T.E.R.N.I.T., de Giovanni Aloi (França)
  • Field Study, d’Eva Weber. (Reino Unido)
  • Kung Fury, de David Sandberg. (Suécia)
  • Listen Kuuntele, de Hamy Ramezan e Rungano Nyoni. (Dinamarca/Finlândia)
  • Our Body, de Dane Komljen.(Sérvia/Bósnia-Herzegovina
  • Over, de Jörn Threlfall, (Reino Unido)
  • Picnic, de Jure Pavlović. (Croácia)
  • Smile, and the world will smile back, de Yoav Gross, Ehab Tarabieh e a familia Al-Haddad (Israel/Palestina)
  • Fils du loup, de Lola Quivoron (França)
  • Symbolic Threats, de Mischa Leinkauf, Lutz Henke e Matthias Wermke (Alemanha)
  • The Runner, de José Luis Montesinos (Espanha)
  • The Translator, de Emre Kayiş. (Reino Unido/ Turquia)
  • This Place We Call Home, de Thora Lorentzen et Sybilla Tuxen. (Dinamarca)
  • Washingtonia, de Konstantina Kotzamani (Grécia)

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -