Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Novembro 27, 2021

O que os Pandora Papers revelam sobre a América do Sul?

Ana Prestes, São Paulo
Socióloga. Cientista política. Mestre e doutora em Ciência Política (UFMG). Atualmente está em fase de pesquisa de pós-doutorado no Instituto de Estudos Brasileiros (USP) e de doutorado no programa de pós-graduação em História na UnB. É analista internacional. Professora voluntária do Decanato de Extensão da UnB. Trabalha na Câmara dos Deputados e é pesquisadora da história da participação política das mulheres no Brasil.

A investigação dos Pandora Papers põe a nú a atuação de Ministros e Chefes de Estados da América Latina em favorecimento de interesses pessoais nas suas contas offshores em paraísos fiscais.

Recentemente, os noticiários foram tomados pela investigação jornalística dos Pandoras Papers, que revelou a existência de contas offshores em paraísos fiscais nos nomes de personalidades e, inclusive, ministros e chefes de Estado, entre eles, o Ministro da Economia, Paulo Guedes, e o Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

Também estão presente na lista de nomes revelados pela investigação os Presidentes do Chile e do Equador, Sebastián Piñera e Guillermo Lasso. Essa investigação põe a nú a atuação desses Chefes de Estado em favor de interesses privados, favorecendo suas transações milionárias enquanto estão no poder.


Texto em português do Brasil

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -