Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Setembro 18, 2021

O Regresso das Corporações

José Mateus
Analista e conferencista de Geo-estratégia e Inteligência Económica

Enfermeiros, professores, juízes e etc, sindicatos, comunistas, pessoal dos gabinetes de Cavaco e Passos Coelho, tudo e todos com uma discreta bênção de Marcelo…

As sucessivas e cada vez mais crispadas e duras ofensivas lançadas por estas categorias de funcionários públicos não são já lutas sindicais mas sim guerras corporativas desencadeadas contra o “bem comum” por agentes do Estado que consideram que podem tomar a sociedade civil como refém para exigir ao Estado resgates de milhares de milhões para a libertarem.

É o regresso das corporações e do seu intrínseco software salazarento e, claro, incompatível, no médio e longo prazos, com um regime de democracia. Depois, queixem-se do “populismo”…


Exclusivo Tornado / IntelNomics


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante  subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Artigo anteriorEuropa
Próximo artigoA epístola de Macron aos europeus (II)
- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -