Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Julho 7, 2022

O Reino

José Mateus
José Mateus
Analista e conferencista de Geo-estratégia e Inteligência Económica

Um romance histórico do meu velho amigo José Manuel Marques (olha, Zé, pelo próximo Natal, quero ler esse que estás a escrever sobre Portugal e o Templo…) que, na liberdade da ficção, conta “a verdadeira história de D. Afonso Henriques e dos homens livres que fizeram nascer Portugal”.

Baseada nos conhecimentos mais actuais e em muita pesquisa, a obra – que os trotskyzantes teóricos americanos do “nation building” ganhariam muito em ler e estudar… – propõe um olhar novo sobre a vida e o tempo de Afonso Henriques e propõe novas interpretações históricas sobre muitos dos episódios que estiveram na origem de lendas que ainda hoje conferem um estatuto de mito àquele que foi o primeiro rei de Portugal.

Cientista, biólogo, diplomata quando é preciso e especialista das questões do Mar, mas tendo como “jardim secreto” a História, José Manuel Marques faz aqui uma entrada pela porta grande no campo da ficção literária e impõe-se como um dos nomes-chave do género “romance histórico”. O mestre Fernando Campos (que repouse em paz) pode estar descansado, o ramo fica bem entregue.

Diz-me um mestre que o leu atentamente que “talvez o autor nem se tenha apercebido mas faz a demonstração perfeita de que Portugal nasceu sob o signo do afrontamento do fraco ao forte, da guerra assimétrica, da exploração das tecnologias e das tácticas mais avançadas e, sobretudo, da “inteligência” e das operações especiais”… “O Reino” vem comigo para uma semanita em Sevilha e iremos visitar a zona que o “cão galego” Ibn Herrick, “o maldito de Alá”, atacou com êxito total, numa perfeita manobra militar de raide de grande profundidade.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

Boa pergunta

VER…

Crónica de Trump

- Publicidade -