Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Junho 24, 2021

Os Bichos, de Maria do Céu Guerra

Recital de poesia. 3 de Agosto 21h00. Jardim de Santos, Lisboa

Hoje já sabemos que o homem não é mais inteligente do que a mulher, que o patrão não é mais inteligente do que o empregado, que o leão não é o rei dos animais, que o padre não está mais perto do céu do que aquele que não aprendeu a rezar. Sabemos tudo isso. Esopo era criado de Xanto e foi ele que escreveu as Fábulas, Madame Curie sabia de ciência certa tanto quanto Pasteur e os bispos de Boston vão mais depressa para o inferno do que os rapazinhos de que eles abusaram. E dos gatos? E dos cães? E dos papagaios, que sabemos nós?

 

Só a poesia, o amor, a ficção e a experiência sem garantias nos poderão abrir os olhos para esse universo enorme que é a vida dos animais de quem julgamos vaidosamente saber tudo.

Combinámos fazer um dia na semana uma sessão surpresa e de vez em quando desafiar o público a colaborar connosco nos nossos serões ao ar livre no Jardim de Santos e aí esta o primeiro.

Vamos dizer hoje belos textos sobre os animais que nos acompanham ou não, que nos protegem e nós protegemos, que nos inquietam. Mas este tem que ser um serão colectivo, tragam de casa um livro, um poema de um bom autor que encontraram ou sabem de cor. E venham passar connosco uma boa noite com belos textos e boa música.

Informações e reservas:

 


Os assinantes solidários do Jornal TORNADO têm Desconto de 20%, em dois bilhetes para o espectáculo.


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos