Diário
Director

Independente
João de Sousa

Segunda-feira, Janeiro 24, 2022

Sindicatos celebrarão em Curitiba pela primeira vez 1º de Maio Unificado

Reunidos em Curitiba, na última quarta-feira (18), dirigentes sindicais das sete centrais sindicais do Brasil (CSB, CTB, CUT, Força Sindical, Intersindical, Nova Central e UGT) anunciaram oficialmente a realização do 1º de Maio Unificado.Pela primeira vez todas as centrais irão realizar o ato do Dia do Trabalhador juntas. Será também a primeira vez que o principal ato nacional deste dia ocorrerá na capital paranaense, onde o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva está preso desde o dia 7 de abril.

O anúncio foi feito durante uma coletiva no acampamento “Lula Livre”, em frente à Polícia Federal. A intenção é, além de unificar as pautas de lutas trabalhistas de todas as entidades, pedir a liberdade para o ex-presidente.

 

De acordo com João Carlos Gonçalves, o Juruna, secretário-geral da Força Sindical, a decisão de realizar o ato unificado em Curitiba é “simbólica”. Segundo ele também haverá atos nas outras capitais, mas a grande novidade é que, além deles, teremos esse 1º de maio unificado “especial” que enfatizará “a força das nossas propostas de manutenção dos direitos dos trabalhadores, para garantir que nossas propostas sejam discutidas durante o processo eleitoral”.

Os sindicalistas são unânimes em afirmar que defender Lula é defender a democracia e o desenvolvimento de nosso país, uma vez que, seu governo demonstrou que é possível aliar distribuição de renda, manutenção e conquista direitos sociais e crescimento econômico. Lula livre é a bandeira que anima trabalhadores sindicalistas e todos aqueles que acreditam na valorização da democracia em nosso país.

Leia aqui o documento apresentado no lançamento do ato: 1o maio 2018 Lançamento

Texto original em português do Brasil | Foto destaque: Força Sindical Paraná

Exclusivo Editorial Rádio Peão Brasil / Tornado

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -