Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Dezembro 10, 2022

Temer paga Globo em campanha sobre intervenção militar

BRASIL

Enquanto tenta despistar suas intenções de vir a disputar a eleição, Michel Temer começa a fazer movimentos na construção de sua candidatura com ações típicas de quem terá o nome nas urnas em outubro.Uma delas é o lançamento de uma campanha publicitária sobre a intervenção militar nos veículos de comunicação da Globo.

A publicidade, que despeja dinheiro público na Globo, afirma que a ação dos militares “vai tirar o Rio de Janeiro das mãos da violência”, embora a intervenção federal na Segurança Pública do estado mal tenha começado.

Nas últimas semanas, a rede Globo vem adotando um tom chapa branca e amistoso em relação a Michel Temer, provavelmente explicado pelo dinheiro público nos anúncios.

No carnaval, os dois homens fortes da propaganda federal, Elsinho Mouco e Duílio Malfatti, se esbaldaram no camarote da revista Quem, da Globo, ao lado de Fred Kachar, principal executivo do grupo mídia dos Marinho. Coincidência ou não, Luciano Huck, funcionário da Globo, desistiu de concorrer à presidência da República e Michel Temer anunciou a intervenção militar no Rio de Janeiro – medida apoiada pela Globo.

Texto original em português do Brasil

Exclusivo Editorial Brasil247 / Tornado

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -