Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Dezembro 1, 2022

Três portugueses em Dresden

Hotel Taschenberg Palais
Hotel Taschenberg Palais

O encontro que reúne personalidades da política, dos negócios e da imprensa, começou 5ª-feira por entre fortes medidas de segurança, no luxuoso hotel Taschenberg Palais com um jantar de gala.

A ex-ministra das finanças, até ao próximo Domingo, contactará em Bilderberg com antigos colegas do Eurogrupo, por exemplo, o ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble e o ministro das Finanças irlandês, Michael Noonan.

Neste ano, a reunião anual do “clube secreto dos poderosos”, conta com mais de 130 participantes de 20 países. Participam figuras como os primeiros-ministros da Holanda, Mark Rutte, e da Bélgica, Charles Michel. Estarão ainda banqueiros, como a espanhola Ana Botín, presidente do conselho de administração do Santander, grupo que comprou o Banif.

Durão Barroso (ex-presidente da Comissão Europeia e membro do Steering Committee do clube Bilderberg)
Durão Barroso (ex-presidente da Comissão Europeia e membro do Steering Committee do clube Bilderberg)

Na 64ª conferência de Bilderberg, o ex-secretário de Estado americano Henry Kissinger encontra-se com o ex-director da CIA David H. Petraeus, o ex-chefe do Comando dos Estados Unidos para a Europa Philip M. Breedlove, o primeiro-ministro holandês Mark Rutte, o primeiro-ministro belga Charles Michel, o ex- chefe do MI6 britânico John Sawers e a chefe do FMI Christine Lagarde.

Entre os convidados estão ainda presentes na conferência, Eric Schmidt, presidente executivo da Alphabet Inc., a proprietária do Google; Michael O’Leary, presidente executivo da Ryanair; Thomas de Maizière, ministro alemão do Interior; Chris Hadfield, astronauta, e Thomas Enders, presidente executivo do grupo Airbus.

Os membros do “clube secreto” discutem este ano as questões globais, incluindo as relações com a China e a Rússia, bem como a crise migratória, as perspectivas económicas do continente, assim como o panorama político e económico americano, revelou um comunicado da organização.

China, Médio Oriente, Rússia, cibersegurança, a geopolítica nos preços da energia e as matérias-primas, a precariedade e a classe média, assim como a inovação tecnológica, são outros assuntos que estão a ser discutidos.

As conferências normalmente passam em ambiente secreto com forte apoio dos serviços de segurança e atraem regularmente manifestantes que criticam o chamado encontro global de capitalistas ocidentais, políticos e académicos que exercem grande poder ao mais alto nível.

Nenhum jornalista tem permissão de participar no encontro para fazer reportagem, mas curiosamente, o clube conta com a presença de Richard Engel, chefe dos correspondentes estrangeiros da NBC News, John Micklethwait, editor-chefe da Bloomberg e Zanny Minton Beddoes, editor-chefe do The Economist.

Primeira reunião do Grupo Bilderberg em 1954. O lugar da premiére e que deu nome ao encontro foi do Hotel de Bilderberg, em Oosterbeek, na Holanda. Durante os primeiros 20 anos, a “secreta conferência” foi dirigida pelo príncipe Bernhard, marido da então rainha Juliana.
Primeira reunião do Grupo Bilderberg em 1954. Durante os primeiros 20 anos, a “secreta conferência” foi dirigida pelo príncipe Bernhard, marido da então rainha Juliana.

A primeira conferência foi realizada no Hotel de Bilderberg em Oosterbeek, Países Baixos, de 29 a 31 Maio de 1954. Nos seus encontros anuais – das quais participam entre 120 e 150 líderes políticos e especialistas da indústria, finanças, ciência, defesa e de meios de comunicação – têm como objectivo “impulsionar o diálogo entre Europa e América do Norte”.

O clube secreto reuniu em Portugal, no início de Junho de 1999, realizando a sua conferência anual na Penha Longa, Sintra. Entre os participantes desta que foi a 47ª conferência estavam dez portugueses, eram eles, recorde-se, Francisco Pinto Balsemão, Jorge Sampaio, Artur Santos Silva, Ricardo Salgado, Nicolau Santos, Murteira Nabo, Vasco de Melo, Marçal Grilo, João Cravinho e Joaquim Ferreira do Amaral.

A misteriosa cúpula do Clube Bilderberg reúne secretamente cada ano num local e num país diferente.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -