Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Dezembro 1, 2022
- Publicidade -

Nome do autor

Yvette Centeno

Licenciou-se em Filologia Germânica, e e doutorou-se com uma tese sobre A alquimia no Fausto de Goethe. É desde 1983 Professora Catedrática da Universidade Nova de Lisboa, onde fundou o Gabinete de Estudos de Simbologia, actualmente integrado no Centro de Estudos do Imaginário Literário.
95 Artigos
0 COMENTÁRIOS

João de Mancelos, os Haikai

Tenho nas mãos o mais recente livro de poesia de João de Mancelos e encontro uma relação tranquila com um dizer de marca oriental...

La Dame à La Licorne: Segredos da Alquimia Medieval

(das poéticas alquímicas às poéticas da modernidade) 1. Sempre que visitei o museu de Cluny, em Paris, com a bela colecção das tapeçarias da Dama e...

Dizer o mal: a Serpente e o Tigre

Dizer o Mal Por definição, enquanto absolutos, o Mal, como o Bem, são indicíveis. Podemos encontrar nos dicionários definições que surgem no âmbito de uma determinada...

Depois de ver Xenos, de Akram Kahn

Poema inédito de Yvette Centeno (2019) Depois de ver Xenos, de Akram Kahn (para Elísio de Summavielle) Entre dois mundos dois corpos, o morto já caído, o outro pronto a...

Noite de Reis, Uma comédia feliz

Shakespeare, que li todo (é verdade, num ensaio que escrevi como trabalho final para o Prof. Moser, na Faculdade de Letras, e que incidia...

Últimas notícias

- Publicidade -