Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Julho 20, 2024

Gente é pra brilhar e ser feliz

Francisca Rocha
Francisca Rocha
Professora Francisca é dirigente licenciada de Assuntos Educacionais e Culturais da Apeoesp – Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo, de Saúde da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Educação (CNTE) e de Finanças da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB

Começo meu último artigo do ano com base em música de Caetano Veloso, na qual diz que “gente é muito bom, gente deve ser o bom, tem de respeitar, tem de se cuidar do bom”. E em 2023 estamos vivendo isso, de se engajar na luta de fazer prevalecer a generosidade.

Superamos o obscurantismo, vencemos o ódio e seguimos rumo a consolidar a vitória da democracia, da liberdade e da vida, mas precisamos seguir em frente para que todas as pessoas tenham educação pública de qualidade, com respeito à diversidade humana e valorização da inteligência.

Conquistamos essa vitória épica do presidente Lula para reconstruir o país com base no amor, nos direitos humanos, na democracia e no respeito. E porque o tempo não para, devemos seguir em frente para mandar o ódio, a discriminação, o preconceito e todo tipo de violência para o lugar de onde nunca deveriam ter saído.

E para superar todo esse rancor que se instalou em nosso país precisamos seguir em frente com muita unidade de todas as pessoas que lutam por uma sociedade justa e igualitária, com base na na solidariedade, vamos fazer de 2024 o ano da virada e da prevalência do amor.

Afinal, “gente quer prosseguir, quer durar, quer crescer, gente quer luzir” porque “gente é pra brilhar, não pra morrer de fome”.


Texto em português do Brasil

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -