Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Dezembro 4, 2021

Lula lança sua candidatura em Belo Horizonte

Tereza Cruvinel, em Brasília
Jornalista, actualmente colunista do Jornal do Brasil. Foi colunista política do Brasil 247 e comentarista política da RedeTV. Ex-presidente da TV Brasil, ex-colunista de O Globo e Correio Braziliense.

BRASIL

Enquanto Temer fragiliza os pilares democráticos com a intervenção militar no Rio, tentando viabilizar-se como candidato à reeleição, o ex-presidente Lula desafia a perseguição e os planos golpistas lançando sua pré-candidatura a presidente nesta quarta-feira, 21, em Belo Horizonte.  Este ato, no estado mais importante governado pelo PT, será o primeiro de uma série programada para as próximas semanas. Em 18 de março Lula começa uma nova caravana, agora pelos estados do Sul, que incluirão um encontro com o ex-presidente uruguaio Pepe Mujica em Porto Alegre. A ex-presidente argentina Cristina Kirchner também poderá encontrá-lo em alguma cidade da fronteira.

O ato de Belo Horizonte, que terá como principais anfitriões  o governador Fernando Pimentel e o ex-ministro Patrus Ananias, acontecerá na Expominas, devendo contar com a participação de 5 mil pessoas. Originalmente marcado para o dia 7 passado, foi adiado por conta do carnaval. Antes, Lula participará de dois eventos na região metropolitana. Visitará a Casa de Saúde Santa Isabel, antiga Colônia Isabel, um antigo centro de tratamento da hanseníase. O drama dos portadores desta doença, que no passado foram confinados, apartados de suas famílias e da sociedade, sempre comoveu o ex-presidente, que já visitou outros centros como o Santa Isabel.

Em Rio Branco (AC), na Colônia Souza Araújo,  muitas fotos da visita feita por Lula, quando ainda era presidente, continuam penduradas nas paredes. Ali vivem  40 ex-doentes que, embora curados, não tiveram quem os recebesse. Além do preconceito contra a doença,  muitos sofreram mutilações severas que os incapacitaram para o trabalho. Alguns foram rejeitados pelas famílias, outros perderam completamente o contato com elas desde que foram internados, quando crianças ou jovens adultados.

Outro programa paralelo de Lula em Belo Horizonte será a visita a um acampamento do MST, em terras eu pertenceriam ao empresário Eike Batista.

Na frente jurídica, sua defesa continua aguardando que a presidente do STF, Cármem Lúcia, marque a data de apreciação, pelo plenário, do pedido de Habeas Corpus preventivo de Lula, contra uma eventual prisão a ser determinada pelo TRF-4, após o julgamento de seus recursos.

A autora escreve em Português do Brasil

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -