Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Setembro 18, 2021
- Publicidade -

Nome do autor

Jenny Farrel

Nascida na República Democrática Alemã, vive na Irlanda desde 1985; Ela é professora, escritora e editora. Ela escreveu um livro sobre o Romantismo Revolucionário Inglês e uma introdução marxista às tragédias de William Shakespeare. Ela escreve para a imprensa comunista na Irlanda, Grã-Bretanha, Estados Unidos, Alemanha, Brasil e Portugal e editou antologias de escrita da classe trabalhadora na Irlanda
7 Artigos
0 COMENTÁRIOS

Caravaggio era barroco?

Nascido há 450 anos, em 29 de setembro de 1571, Caravaggio viveu durante a Contra-Reforma, e trabalhou em Roma. A forma de arte daquela...

Walter Scott e o romance histórico

A história está desaparecendo dos currículos escolares, a consciência histórica é deliberadamente apagada. Os romances no cenário histórico retratam personagens como pessoas sem história,...

Shuggie Bain

Douglas Stuart ganhou o prêmio Booker 2020 por seu romance de estreia Shuggie Bain, ambientado em sua cidade natal, Glasgow, nos anos 80. Como...

Palestina: A Irlanda envia um sinal

Parlamento em Dublin condena unanimemente a anexação de terras palestinas por Israel. Em unidade histórica, o parlamento irlandês aprovou na noite de quarta-feira por unanimidade...

O Cerco de Leningrado: Shostakovich e a escovação aérea da história

A Guerra Fria contra a Rússia - anteriormente destinada à União Soviética - continua. Isto inclui a remoção da memória pública das muitas atrocidades...

Albrecht Dürer – campeão dos camponeses

O gênio de Albrecht Dürer dominou de tal forma a arte da primeira revolução burguesa na Alemanha que foi chamada de época de Dürer. Albrecht...

Pedro e o Lobo, a mais famosa peça musical de Sergei Prokofiev

Os ouvintes aprendem que a música pode contar sua própria história, uma vez que se compreende que os temas podem representar personagens que se...

Últimas notícias

- Publicidade -