Diário
Director

Independente
João de Sousa

Terça-feira, Maio 28, 2024

À meia-noite começa a Queima das Fitas

O Cortejo realiza-e domingo e todas as noites são longas no “Queimódromo”

serenata-coimbraAté ao próximo dia 13 de Maio, a folia estudantil invade a urbe, tornando Coimbra na mais acordada cidade do país. O arranque da grande festa está agendado para esta noite, com a Serenata Monumental no Largo da Sé Velha, em plena Alta coimbrã.

Esta ancestral festa com cerca de 100 anos, surgiu com esta designação em 1919 por iniciativa de um grupo estudantes da Faculdade de Direito, mas as suas verdadeiras origens datam de finais de século XIX.

O ponto alto da grande farra universitária acontece já este domingo quando o Cortejo dos Quartanistas percorrer as ruas da cidade, desde a Alta universitária até à Baixa da cidade.

Mas o epicentro diário da Queima situa-se na margem esquerda do Rio Mondego, na Praça da Canção (mais conhecida por “Queimódromo”). Durante noites a fio até ao Sol já iluminar a cidade, uma larga multidão (que pode chegar às 50 mil pessoas) tem direito a concertos, tendas de dança e muitas barraquinhas de comes e bebes – sobretudo destes, pois o consumo de álcool é sempre muito elevado nestes dias.

queima3Embora as famosas Noites do Parque já não apresentem, como há anos, uma programação musical de grande qualidade internacional, pelo palco principal da festa vão passar até ao próximo dia 13 nomes como: Agir,Linda Martini, a banda britânica Editors, Quim Barreiros, Dealema, DAMA com Gabriel o Pensador, Dj Ride, Dj Sexation e António Zambujo e Miguel Araújo, entre outros.

Mas a programação geral da Queima de Coimbra inclui ainda outros eventos, tradicionais da grande festa universitária, como a Venda das Pastas (actividade de solidariedade social), Baile de Gala, Chá Dançante e Garraiada (no Coliseu da Figueira da Foz).

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -