Diário
Director

Independente
João de Sousa

Segunda-feira, Julho 4, 2022

Município reduz endividamento

CamaradeBeja-(2)
“Foi resolvido o velho assunto das dúvidas relativas à situação financeira do Município”, garantindo que a dívida a fornecedores “passou de 5,5 milhões de euros para menos de 500 mil euros” avança, em comunicado, a CDU força maioritária na edilidade.

Presentemente o prazo médio de pagamentos a fornecedores “passou de 122 para 60 dias” e “o endividamento foi reduzido em mais de oito milhões de euros”.

Os comunistas eleitos em Beja, destacam ainda o conjunto de obras realizadas e em curso em todo o concelho e em cada uma das freguesias, a aposta “no desenvolvimento económico e na captação de investimento”, e a “luta pelo desenvolvimento do aeroporto, pelas vias rodoviárias e ferroviárias necessárias a uma capital de distrito”.

Segundo a CDU de Beja, nos últimos anos foram normalizadas as relações institucionais com as juntas de freguesia e actualizados os protocolos que lhes asseguram um importante nível de capacidade de resposta”, “aumentou a oferta cultural, de lazer e de eventos em todo o concelho”.

A nova situação financeira do município, refere o mesmo comunicado, leva a Câmara a “cumprir o resto do mandato a ‘Afirmar Beja’ pelo trabalho”, estando convicta “de ver renovada a confiança da população na CDU e no seu projecto”.

Estas são algumas das conclusões do encontro de domingo, 17, que reuniu todos os autarcas eleitos pela CDU nas juntas e assembleias de freguesia e na Câmara e Assembleia Municipal de Beja, onde foi analisado e projectado o trabalho previsto para o actual mandato autárquico, que termina em 2017.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

A impostora

Titãs cantam: “Comida”

Além Tejo (1)

UNITA desmente MPLA

- Publicidade -