Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sexta-feira, Outubro 22, 2021

O arcebispo ortodoxo de Jerusalém, Hilarion Cappucci

Beatriz Lamas Oliveira
Médica Especialista em Saúde Publica e Medicina Tropical. Editora na "Escrivaninha". Autora e ilustradora.

A Produção de Rádio e TV síria realizou uma conferência de imprensa no teatro na Casa de Cultura e Artes de al-Assad quando terminaram as filmagens da série de TV e de um filme intitulado “Guarda de Jerusalém”, do cenarista Hassan Yousef e diretor Bassel a-Khatib.

Yousef disse que o arcebispo Cappucci, que faleceu aos 94 anos em 2018, se destacou pela sua sabedoria e previsão, observando que há 41 anos, Cappucci disse que a guerra civil no Líbano visava enfraquecer a Síria.

Monsenhor Hilarion Capucci cumpriu dois anos de uma sentença de 12 anos, em Israel, antes de o Vaticano ter conseguido ajudar a garantir a sua libertação. Pelo presidente palestiniano Mahmoud Abbas foi referido aquando da sua morte como sendo um “combatente da liberdade”.

Nascido em Aleppo, era Arcebispo de Cesareia desde 1965.Em 1974, quando viajava de Beirute para Jerusalém num carro com matricula diplomática do Vaticano foi parado pelas forças de segurança israelitas.

Dentro do carro havia quatro espingardas Kalashnikov, duas pistolas, munições e granadas destinadas a membros da Organização de Libertação da Palestina.

Capucci insistiu que foi forçado a transportar as armas, mas um tribunal israelita condenou-o por contrabando. Nessa altura Maximus V Akim, o patriarca da Igreja Melquita, foi crítico acerbo da prisão de Capucci. Perguntou:

Este bispo é culpado porque pensou ser seu dever transportar armas para a resistência? Se conhecermos bem factos históricos encontramos outros bispos que contrabandearam armas, deram suas vidas e cometeram outras ações ilegais para salvar judeus da ocupação nazista. Não vejo por que um homem que está pronto para salvar vidas árabes deva ser condenado.

Maximus Akim acrescentou que Israel entrou em Jerusalém Oriental ilegalmente e contra as resoluções das Nações Unidas. A Igreja Católica Grega Melkita é uma Igreja Católica Oriental profundamente ligada ao Vaticano e parte da Igreja Católica mundial. É agora chefiada pelo Patriarca Youssef Absi, sediada na Catedral de Nossa Senhora Adormecida, em Damasco, Síria.

O Arcebispo Capucci em 1977 tentou mediar a crise dos reféns no Irão.

Lembro-me ainda de que em 1980 ele foi visitar os reféns americanos que estavam muito irritados com seus comentários públicos sobre a crise. Mesmo assim no mesmo ano desempenhou um papel fundamental na transferência dos corpos de oito aviadores americanos mortos numa missão de resgate fracassada. Em 1990, viajou para o Iraque de Sadam Hussein para ajudar a garantir a liberdade de 68 italianos impedidos de partir após a invasão do Kuwait. Dez anos depois, Capucci liderou uma delegação de clérigos e intelectuais que foram ao Iraque numa demonstração de solidariedade contra as sanções da ONU. Em 2010, Monsenhor estava a bordo do Mavi Marmara quando este navio de propriedade turca foi intercetado por comandos israelitas. O barco participava numa pequena frota de barcos de ajuda que tentava violar o bloqueio da Faixa de Gaza. Dez ativistas turcos, um deles cidadão norte-americano, foram mortos e feitos dezenas de feridos quando os comandos forçaram a entrada no barco, descendo dos helicópteros que os transportaram.

Rasheed Assaf

O ator Rasheed Assaf disse que protagonizar esse personagem é muito importante para ele. O arcebispo Cappucci foi e continua a ser uma grande personalidade nacional e espiritual no país. Rasheed Assaf acrescentou que a série esclarece que o caminho para o povo árabe é claro e a bússola é a Palestina. Lembrou que monsenhor Capucci durante o julgamento, dirigiu-se ao tribunal, falando em árabe e disse que se Jesus estivesse vivo, ambos chorariam juntos.

O diretor Basel al-Khatib disse que o filme e a série documentam de forma autêntica a biografia de um homem que fez grandes sacrifícios pelo seu país natal, a Síria e pela Palestina.

Membros da Igreja Síria ortodoxa expressaram prazer pela realização da série, ressaltando que este trabalho leva a mensagem da Síria à pátria árabe e ao mundo como um todo. A série “Guarda de Jerusalém” lida com a biografia do arcebispo Hilarion Cappucci, que em resumo, empregou a sua alta posição religiosa a serviço da questão da Palestina e apenas de causas árabes. O elenco inclui vários atores sírios de destaque, incluindo Salim Sabri, Sabah Jaza’eri e Amal Arafeh.


Por opção do autor, este artigo respeita o AO90


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -