Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sexta-feira, Junho 14, 2024

O Concurso das Burkas Molhadas

José Mateus
José Mateus
Analista e conferencista de Geo-estratégia e Inteligência Económica

burkas-molhadas-1

Pela sua coragem intelectual, sentido de humor e mordacidade, o jornalista, escritor (dezenas de livros publicados e muitos prémios arrecadados) e “comunista não-praticante” Patrick Besson é, há muito, o meu cronista preferido. Mesmo quando (e é frequente) discordo dele, acaba sempre por me arrancar, pelo menos, um sorriso.

Dos poucos profissionais da escrita que ousa permanentemente o “politicamente incorrecto”, o Patrick teve há dias mais uma das suas ideias geniais que vai, obviamente, suscitar muitas críticas insultuosas (ele já está habituado…) e granjear-lhe alguns escassíssimos apoios. E é também por isso que escrevo aqui e assino: estou com o Patrick Besson e apoio esta sua iniciativa, “burkas molhadas, já!”.

Face à polémica do burkini, que dominou o Verão e animou as praias do Mediterrâneo, e para enterrar definitivamente essa questão dos corpos e das suas formas, do que se pode ver e do que não pode, do tapa-destapa, o Patrick inventou a solução: o concurso das burkas molhadas!

Burkas molhadas em Saint-Tropez

E escreveu, no ‘Le Point’, a reportagem das primeiras burkas molhadas. Em Saint-Tropez, claro!

“À Saint-Tropez, après une saison touristique en demi-teinte, eut lieu, fin août, un événement qui remonta le moral des commerçants locaux: un concours de burkas mouillées, animé conjointement par l’ex-rappeuse Diam’s et le chanteur Dave. Les familles des concurrentes, installées dans le carré VIP de la plage de Pampelonne, suivaient l’élection en dégustant des macarons halal accompagnés de cidre sans alcool. Les candidates, avant d’entrer tout habillées dans la mer comme le prescrit le règlement écrit du concours, disposaient du temps nécessaire pour éteindre leur smartphone et le remettre…” (*)

Ah, Patrick, nesta Europa parda e em que as luzes se vão apagando, as chispas do humor são dos poucos sinais de vida. Não te separes nunca dessa tua veia, a Europa precisa dela para respirar.

Nota da Edição  (*)

“Em Saint-Tropez, após uma época turística mediana, teve lugar, no final de Agosto, um acontecimento que reconfortou a moral dos comerciantes locais: um concurso de burkas molhadas, animado em conjunto pela ex-rapper Diam e o cantor Dave. As famílias das concorrentes, instaladas num quadrado VIP da praia de Pampelonne, seguiam a eleição enquanto degustavam biscoitos halal acompanhados de cidra sem álcool. As candidatas, antes de entrar totalmente vestidas no mar, como mandava o regulamento escrito do concurso, dispunham do tempo necessário para desligar o seu smartphone e guardá-lo…”

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -