Diário
Director

Independente
João de Sousa

Terça-feira, Maio 28, 2024

Pecado!

João de Almeida Santos
João de Almeida Santos
Director da Faculdade de Ciências Sociais, Educação e Administração e do Departamento de Ciência Política, Segurança e Relações Internacionais da ULHT

Poema, em cinco andamentos, de João de Almeida Santos.
Ilustração: Intervenção digital de Rute Henriques sobre Anjo (pormenor da Libertação de S. Pedro), de Giovanni Francesco Barbieri.

PECADO!

I.

Vi-te triste,
Meu amor…
………..
Ansiosa,
Encostada
À janela,
Pressurosa,
Isso, sim,
Mas tão simples
E singela…

Passei por ti
De relance,
Em momento
Inesperado,
Tão longe
Do meu alcance…
………………..
Mas mesmo ali
A meu lado!

O teu perfil
Carregado
Pareceu-me
Suplicante….
Não te vi
Como mulher,
Como rosto
De uma amante…
……………
Mas vi, sim,
O meu pecado.

II.

Vi-te triste,
Tão sozinha,
Com o teu colo
Curvado
Quando
Por ti
Eu passei
Nessa rua
Castigado
Por te ver
Uma vez mais
Como sombra
De um pecado!

Segui, pois,
A tua sombra,
Mas de longe
Não te via…

Lá atrás
Só distância
Pressentia,
A que há muito,
Sim, criaste
Tão dolorosamente
Sombria,
Assim como
Tu ficaste!

Perturbado,
Percorri
Esse caminho
Com saudades
De te ver…
…….
Senti
Funda solidão,
Infeliz
Por te perder…

III.

Vi-te triste
Nesse dia!
Eram milhares
Que passavam
E não iriam
Parar…
……….
E eu por ali
Regressava
Num acaso
Circular,
Nesse dia
Turbulento
Em que te fui
Encontrar…

Coincidências
Do lugar,
Tristeza profunda
A tua!
Vi-a
De relance,
Ao passar,
Fiquei
Com a alma
Nua
De só te poder
Amar
De través…
……….
Quando te vejo
Na rua!

IV.

O teu destino
E o meu
Vão por si,
São paralelos,
Só se encontram
No olhar,
São destinos,
São singelos,
Sendo caminhos
Estreitos
Passo por eles
Em poema…
………………
E por isso são
Tão belos!

V.

Os astros
Marcaram
Este meu
Difícil fado,
Dele nunca
Sairei…
…………..
Prisioneiro
De um passado!

Expio, assim,
Tão dorido,
As culpas
Do meu pecado…


Ilustração: Intervenção digital de Rute Henriques sobre Anjo (pormenor da Libertação de S. Pedro), de Giovanni Francesco Barbieri, conhecido como Il Guercino (1622). Agosto 2017.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Artigo anterior
Próximo artigo
- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -