Diário
Director

Independente
João de Sousa

Terça-feira, Maio 24, 2022

Cancelo tempestades

Poema inédito de Alice Coelho

Cancelo tempestades

Cancelo as tempestades
As lágrimas e os poemas
Chuva, vento e trovoadas
Fome e sede em guitarras
Folhas em branco lotadas
Saudades escritas no céu
Corpos a arder na fogueira
Amores semeados ao léu
Desejos atados em balões
Mistério, sonhos e segredos
Tricotar os nossos corações
Caneta a deslizar sem medos
Memórias
Lembranças
Passado enfeitado de presente.
E palavras em papel ausente
Cancelo tempestades
E realizo vontades


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Artigo anteriorNão!!
Próximo artigoSei que do outro lado deste mar
- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -