Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Setembro 18, 2021
- Publicidade -

Nome do autor

Alice Coelho

Poetisa
212 Artigos
0 COMENTÁRIOS

Lisboa

Poema inédito de Alice Coelho Lisboa. Lisboa é o amor e a paixão Loucura e desejo também. É a saudade e sofreguidão Em emoções que te cabem Degraus Entre patamares de...

Percorro

Poema inédito de Alice Coelho Percorro Caminhos e estradas Ausências e silêncios Becos e ruas cansadas De floreados e artifícios Avenidas longas e vazias E as pedras das calçadas As gavetas cheias...

Toca

Poema inédito de Alice Coelho Toca Toca a pele com os dedos Com a sinfonia de suspiros Abandonada em teus medos Inala histórias de vampiros Toca a pele com os...

Ao longe….

Poema inédito de Alice Coelho Ao longe.... No silêncio que ensurdece Na palidez do sonho meu Na noite que te amanhece Na luz que não adormeceu Ao longe.... Num vagar tão...

Quero(te)

Poema inédito de Alice Coelho Quero(te) No espreguiçar do pensamento No derramar da arrastada voz Na escassez daquele momento No alvoroço da saudade veloz Quero(te) Numa noite de luar programada Num sonho...

Mergulho

Poema inédito de Alice Coelho Mergulho Mergulhou o olhar Morno e transparente Nas águas do mar Revoltas e quentes Perdeu o brilho Molhou as palavras Puxou o gatilho Secou as lágrimas Mordeu os lábios Secos...

Sentires em Liberdade

Poema inédito de Alice Coelho Sentires em Liberdade Dança Com a liberdade Com o corpo Com as palavras Abraça A vida em sorrisos O Mundo em fatias O Amor sem fôlego Grita O silêncio que...

Sons e cantos

Poema inédito de Alice Coelho Sons e cantos Melodias e sonhos abraçados Segredos em bocas fechadas Sabores e pesadelos agitados Verdades e mentiras rachadas Ao som de cítaras e de...

Desnudo(te)

Poema inédito de Alice Coelho Desnudo(te) Desnudo um pensamento Meu corpo em desalinho A alma em seu desalento Em água com redemoinho Desnudo um pensamento O corpo e alma no desejo O...

Caminhando

Poema inédito de Alice Coelho Caminhando Segue pela estrada sem rumo Sem sonhos e sem um destino Direita e só como fio de prumo Gaivota num bando clandestino Caminhando Segue pela...

Entre

Poema inédito de Alice Coelho Entre... Entre a manhã e o entardecer Fica o aparecer e o esconder E a incongruência do olhar que se esvai Na sombra perdida...

Amanheceste

Poema inédito de Alice Coelho Amanheceste Numa voz serena A cobrir teus sentidos Temperatura amena Lábios secos mordidos Amanheceste Sem chuva e sem frio Na brandura dos gestos Nas margens do meu rio Sem...

Escorrem

Poema inédito de Alice Coelho Escorrem Como a lava do vulcão Derretida e a queimar Qual sopro a refrescar Num peito em erupção Escorrem Lágrimas de chuva e sal Evaporadas em poesia Lambidas...

Partiste

Poema inédito de Alice Coelho Partiste Pela longa estrada da noite Emudecido pelos silêncios Perplexo Abatido pelo tempo à fadiga Cansado do rastro encontrado Oprimido Cúmplice das horas tardias Ao chegar enquanto partias Abatido Nas...

Sempre respondes

Poema inédito de Alice Coelho Sempre respondes Sempre respondes aos meus poemas Com as rimas mais duras e aguçadas Deixaste rios de confusões e dilemas Paixão avassaladora e olhar...

Últimas notícias

- Publicidade -