Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Maio 26, 2022

Mulheres latino americanas: quem foi Adela Zamudio?

Ana Prestes, São Paulo
Ana Prestes, São Paulo
Socióloga. Cientista política. Mestre e doutora em Ciência Política (UFMG). Atualmente está em fase de pesquisa de pós-doutorado no Instituto de Estudos Brasileiros (USP) e de doutorado no programa de pós-graduação em História na UnB. É analista internacional. Professora voluntária do Decanato de Extensão da UnB. Trabalha na Câmara dos Deputados e é pesquisadora da história da participação política das mulheres no Brasil.

Conhecida como uma das primeiras mulheres a lutar pelo movimento feminista na Bolívia, Adela Zamudio nasceu em 11 de outubro de 1854 em Cochabamba.

Zamudio tecia críticas ao patriarcado e difundia as ideias feministas através de suas obras literárias. Escrevia poemas e novelas, que alcançaram mulheres em toda a América Latina, chegando a ser rotulada pela Igreja Católica como uma “inimiga da fé”.

Na coluna MiraMundo desta semana, Ana Prestes relembra a vida e a obra de Adela Zamudio, cuja luta pela emancipação das mulheres e em defesa da educação deixou grandes contribuições para a Bolívia e para América Latina.


Texto em português do Brasil

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -