Diário
Director

Independente
João de Sousa

Terça-feira, Janeiro 18, 2022

Nazaré. Rochedo

José Alberto Pereira
Professor Universitário, Formador Consultor e Mestre em Gestão

Conheço a Praia Norte de há muito.

Conheço a Praia Norte de há muito. Ribatejano de gema, só o nome fazia lembrar o “Dark Side of the Moon”. De um lado, a cosmopolita Nazaré, com uma praia enorme e acolhedora onde passeavam as miúdas em biquíni, sorridentes e a fazer sonhar qualquer adolescente daquela altura. Do outro lado, o vento, um mar alteroso com aquelas ondas enormes onde ninguém tomava banho, uma praia deserta quase sem caminhos onde aqui ou acolá se viam carros parados e casalinhos escondidos. Ao meio, aquela massa de pedra que desaguava no mar. E o rochedo.

 

 

 

 

 

 

 

 


Por opção do autor, este artigo respeita o AO90



Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante  subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

In fraudem legis

Crise avança com Bolsonaro

Clube Bilderberg

Titãs cantam: “Comida”

- Publicidade -