Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Dezembro 9, 2021

Será possível? As chances do FC Porto na Liga dos Campeões, segundo as casas de apostas

Na última eliminatória da Liga dos Campeões, o FC Porto surpreendeu tudo e todos ao levar a melhor sobre a Juventus de Cristiano Ronaldo.

Com presença garantida nos quartos da prova milionária pela segunda vez em três anos, a equipa orientada por Sérgio Conceição tem pela frente o Chelsea, um clube inglês histórico que passa por um claro período de recuperação.

Segundo o site de compilação de probabilidades Oddschecker, o FC Porto tem poucas hipóteses de passar à próxima fase. Com uma odd de vitória de +325 e uma odd de empate de +260, os “dragões” são tidos como a equipa menos favorita à conquista da competição na atual fase da prova. Nós decidimos analisar os pontos fortes e fracos de Chelsea e FC Porto para perceber até que ponto vale a pena tirar partido do Código Bonus Betclic para apostar na equipa portuguesa em Abril.

Presença assídua na fase a eliminar da Liga dos Campeões, o FC Porto é a equipa portuguesa mais bem-sucedida na Europa desde que a competição foi remodelada. O FC Porto foi a última equipa portuguesa a vencer uma competição europeia (a Liga Europa, em 2010/11) e a única a levar para casa o troféu do atual formato da liga milionária (em 2003/04, sob a alçada de José Mourinho).

 

Chelsea ganhou “nova vida” após a chegada de Tuchel

Desde que o lendário Frank Lampard foi despedido do cargo de treinador principal do Chelsea, o clube inglês reencontrou a melhor forma graças ao bom trabalho de Thomas Tuchel. O treinador alemão, conhecido pelas suas passagens pelo Dortmund e pelo PSG, trouxe aos ingleses um estilo de futebol mais maturo e paciente e tem sido brilhante na gestão do plantel.

O treinador alemão (finalista vencido da última edição da Liga dos Campeões) derrotou de forma categórica o Atlético Madrid de João Félix na eliminatória dos oitavos, graças a um sistema coeso com 3 centrais que contou com um ataque móvel e inspirado, com os reforços Kai Havertz e Ziyech a jogar no apoio ao ponta-de-lança Timo Werner.

A chave do sucesso da equipa, no entanto, encontra-se no meio-campo, onde a dupla Kanté-Kovacic tem sido brilhante. Kanté garante solidez defensiva e tem muita chegada ao ataque, enquanto que Kovacic é um dos melhores médios do mundo a transportar a bola em situações de contra-ataque e a trabalhar defensivamente para a equipa (não foi por acaso que o croata foi eleito ‘jogador do ano’ pelos adeptos do Chelsea em 2020).

 

Será possível?

Prevêem-se muitas dificuldades para o FC Porto de Sérgio Conceição. A equipa do Chelsea defende muito melhor do que a Juventus e não se expõe tanto no momento da posse. Conta além disso com uma caraterística forte que escasseia em equipas italianas: uma defesa não só fisicamente agressiva como extremamente rápida, que tem tido como destaque o “gigante” alemão Antonio Rudiger.

Para contrariar as probabilidades e passar às semifinais da Liga dos Campeões, o FC Porto terá que jogar de forma praticamente perfeita, defender com muita solidez e atacar com eficácia. As oportunidades frente ao Chelsea serão menos do que frente à Juventus, até porque o clube inglês já assumiu ter plena noção da qualidade do 11 portista.


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante  subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -