Diário
Director

Independente
João de Sousa

Domingo, Novembro 28, 2021

Torres Vedras acolheu o segundo ciclo de órgão

Joaquim Ribeiro
Jornalista

A Igreja da Misericórdia, em Torres Vedras, acolheu o segundo ciclo de órgão. Já considerado um marco cultural da cidade, foi organizado pela Santa Casa da Misericórdia pela Câmara Municipal em parceria com a Escola de Música Luís António Maldonado Rodrigues.A iniciativa teve início em Outubro com um concerto de louvor à Virgem Maria, interpretado pelo Coro Magnificat e alunos do Atelier de Órgão da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras, o qual pretendeu celebrar o centenário das Aparições de Fátima.

Seguiu-se um workshop destinado a crianças, orientado por Filomena Calado, a partir de um conto infantil, que pretendeu dar a conhecer de uma forma lúdica o funcionamento do órgão de tubos. Houve ainda um concerto do agrupamento Ars Eloquentia, que proporcionou uma viagem pela música europeia dos séculos XVII e XVIII, acompanhado de cravo e flauta barroca. Em Dezembro o ciclo de órgão chegou ao fim com um concerto de Natal pela Escola de Música Luís António Maldonado Rodrigues.

Ciclo de órgão

Todos os concertos estiveram lotados e foram comentados por Daniel Oliveira, tendo em conta o carácter pedagógico dos mesmos. Este ciclo destacou ainda a importância do órgão histórico Bento Fontanes (1773) existente na Igreja da Misericórdia, restaurado em 2008, explorando-se várias das potencialidades deste tesouro patrimonial.

Fotografia: Câmara Municipal de Torres Vedras

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -