Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Novembro 27, 2021

Incógnito

Delmar Gonçalves, de Moçambique
De Quelimane, República de Moçambique. Presidente do Círculo de Escritores Moçambicanos na Diáspora (CEMD) e Coordenador Literário da Editorial Minerva. Venceu o Prémio de Literatura Juvenil Ferreira de Castro em 1987; o Galardão África Today em 2006; e o Prémio Lusofonia 2017.

Poema inédito de Delmar Maia Gonçalves

Incógnito

Eu cidadão
qualquer de um mundo 
que já existe e ninguém reconhece
vou driblando
os postes esguios e tortuosos
por entre os seixos e pedras 
dos caminhos
de fio a pavio
fintando a métrica
hermética imposta
das volumetrias poéticas do rebanho
e a geometria
das vidas vazias
que nos ofertam.


Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Artigo anteriorA noite
Próximo artigoInfinito
- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -