Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sábado, Julho 13, 2024
- Publicidade -

TAG

Almada Negreiros

É ao lado da poesia que me quero

Poema inédito de Beatriz Aquino É ao lado da poesia que me quero É ao lado da poesia que me quero, correndo livre no subjetivo das coisas, surfando...

João de Mancelos, os Haikai

Tenho nas mãos o mais recente livro de poesia de João de Mancelos e encontro uma relação tranquila com um dizer de marca oriental...

Júlio Pomar

(1926 - 2018) Uma das mais prestigiadas figuras da Arte Portuguesa dos séculos XX e XXI. Destacado artista plástico, militou activamente na Resistência contra a...

José de Almada Negreiros: desenho em movimento… no Porto

Hoje, 30 de Novembro, inaugura, para o público, no Museu Nacional Soares dos Reis, no Porto, a Exposição José de Almada Negreiros: desenho em...

Viva o Dantas! Pobre Dantas…

Há um caso concreto que me sugere esta tentativa de reflexão. Toda a gente conhece o Manifesto Anti-Dantas do Almada Negreiros. Todos conhecem a...

Maternidade

Por esta altura, Almada começa a interligar a luz na cor. Luz que vem da direita para esquerda, possuindo um cromatismo com base nas...

Painéis da Gare Marítima de Conde d’Óbidos

(Painel à direita) - Composição de forte estrutura geométrica, de gente rude e ao mesmo tempo elegante. São saltimbancos ganhando a vida difícil do...

Reflexões sobre um aniversário

Um curso que ficou célebre no país por dele terem saído uma série de figuras que se haveriam de notabilizar em diferentes áreas: das...

Dia Mundial da Poesia

Aproveitando o ensejo da quase coincidência entre o Dia Mundial da Poesia e o equinócio da primavera, início da floração e da fecundidade, aqui...

Visita aos painéis de Almada Negreiros da Gare Marítima de Alcântara

Entra-se por uma porta cinzenta de ferro e vidro, que denuncia a traça de Porfírio Pardal Monteiro, o arquitecto responsável pelo edifício. Erigida na...

A Cena do ódio

Um retrato pleno de oportunidade, escrito há precisamente um século por um dos Portugueses maiores! De boa vontade subscreveria este poema enquanto "retrato" do momento Presente!...
- Publicidade -

Últimas notícias

- Publicidade -