Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Outubro 21, 2021

Amesterdão

Amesterdão é famosa e conhecida pelos seus canais, casas estreitas juntas umas às outras, algumas inclinadas, a fazerem lembrar um conto de fadas e um tempo perdido lá longe da nossa infância.

Capital da Holanda (Haia é a capital administrativa, onde fica o Governo e o Parlamento), tem cerca de 800.000 habitantes. O seu aeroporto (Schiphol) fica a cerca de vinte minutos do centro. Amesterdão é famosa e conhecida pelos seus canais, casas estreitas juntas umas às outras, algumas inclinadas, a fazerem lembrar um conto de fadas e um tempo perdido lá longe da nossa infância. Os canais da cidade possuem mais de 2.500 casas flutuantes, sendo que muitas delas são por dentro luxuosas e com todo o conforto. É uma cidade fascinante, lindíssima, agradabilíssima, e diferente de todas as outras cidades da Europa. As suas famosas ciclovias (exclusivas para bicicletas) estão por todo o lado, onde os holandeses se movimentam com a desenvoltura e a rapidez com que só eles são capazes. A seguir a Estocolmo, Amesterdão é a minha (segunda) cidade preferida. Para quem desconhece, a Suécia e a Holanda são dois países com muitas semelhanças, com muitas similitudes nas suas políticas sociais e económicas.

Os holandeses

Muito altos – considerados os mais altos da Europa e do mundo – tanto homens, como  mulheres. Um povo bonito. A maioria dele de olhos claros e cabelos loiros. Muito práticos. E eficientes. Pioneiros em muitas áreas. Vanguardistas. Fernando Pessoa, chegou a dizer dos holandeses que eles foram quase civilização, que quase formaram e fundaram o que se entende por civilização (…). Socialmente vivem e deixam viver. Há quem veja e chame isso de indiferença. Que a tolerância holandesa é a indiferença. José Rentes de Carvalho, português radicado na Holanda há mais de 60 anos, autor de vários livros, crónicas, muito famoso na Holanda, é dessa opinião, por exemplo. Entendo, mas discordo. Os holandeses não são mais indiferentes do que os portugueses, os espanhóis, os ingleses ou outro povo de qualquer outra nacionalidade. Dentre os vários livros que poderia recomendar para se conhecer e perceber melhor a sociedade holandesa, os seus costumes, a sua forma de ser e de viver, assim como os holandeses de uma forma geral, aconselho o livro “The Undutchables” (infelizmente só há em versão inglesa; disponível na Amazon), escrito por um casal americano (Collin White e Laurie Boucke) que viveu na Holanda durante um período. Um livro imperdível, todo ele com um sentido de humor sem igual. Outro livro muito bom, é do próprio José Rentes de Carvalho, “Com os holandeses”, versão mais recente que teve origem num outro (excelente) livro sobre os holandeses, “Waar die andere God woont”, Ed. Synopsis (em português, “Onde o outro Deus vive”), escrito em 1982 (famosíssimo na Holanda).

 

O que visitar

O bairro dos museus

Este bairro abriga o Museu Van Gogh, o Rijksmuseum – com obras de Rembrandt e Vermeer – e o Stedelijk, que privilegia a arte moderna. O Rijksmuseum   reúne a maior coleção do mundo de arte holandesa. O Rijksmuseum, que é o mesmo que o Museu Nacional, é considerado o melhor museu da Holanda. Com a maior coleção de quadros do Século de Ouro Holandês (“Gouden Eeuw”, em holandês, cujo período é compreendido entre 1584 e 1702) atrai mais de dois milhões de visitantes por ano. No entanto, é o Museu van Gogh o museu mais visitado da Holanda. Este museu expõe mais de 200 obras do pintor relacionando-as com etapas de sua vida.

Casa de Anne Frank

Casa onde Anne Frank vivia escondida e onde escreveu o famoso diário. Chamo a atenção que os bilhetes para a visita são adquiridos apenas online e têm que ser comprados com muita antecedência.

Heineken Experience

A valer a pena. Trata da história da famosa marca de cerveja holandesa Heineken. Visita interativa.

Praça Dam/Dam Square

A praça mais famosa de Amesterdão. É onde fica o Palácio Real (pode-se visitar partes dele), os famosos armazéns De Bijenkorf (os meu preferidos) e o famoso hotel Krasnapolsky (todo restaurado que foi). É uma praça cheia de vida, sempre com muita gente, de dia e de noite.

Bairro vermelho

Relativamente perto da Praça Dam. Já não se veem as vitrinas de prostitutas expostas como há (muitos) anos atrás; a Câmara de Amesterdão vem impondo regras, o que tem limitado bastante as exposições. Tem esta designação pelo facto das vitrinas se iluminarem com luzes vermelhas.

Vondelpark

Dos vários parques existentes em Amesterdão, o Vondelpark é o maior e o mais famoso. Fica perto do bairro dos museus.

Compras

Quem quiser e gostar de fazer compras, aconselho a Kalverstraat (e adjacências), que fica no centro e vai dar à praça Dam. Pelo caminho, em direção à praça Dam, no lado direito, ainda se pode ver o famoso mercado das flores (a Holanda é o maior exportador de flores do mundo). Também por este trajeto há imensas lojas de queijos de todos os sabores, cores e feitios. A Holanda é também famosa pelos seus queijos de excelente qualidade.

A P.C.Hooftstraat (no Oud-zuid) ficam as lojas mais caras e de griffes mundialmente famosas. Perto do Vondelpark. Por curiosidade, e quem diria, nesta rua de griffes famosas fica uma loja da Massimo Dutti.

Para crianças

Museu Científico NEMO. Trata-se de um museu interativo para crianças onde elas podem aprender e interagir com jogos e atividades das mais diversificadas.

Volendam

É uma vila de pescadores situada a cerca de 20 quilómetros de Amsterdão. Vila interessante e bonita para visitar. Muito turística.

 

Se nunca esteve em Amesterdão, pense em ir!


Por opção do autor, este artigo respeita o AO90



Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a Newsletter do Jornal Tornado. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

 

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Artigo anteriorEstocolmo
Próximo artigoOslo
- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -