Diário
Director

Independente
João de Sousa

Quinta-feira, Julho 7, 2022
- Publicidade -

Nome do autor

Paulo Casaca, em Bruxelas

Foi deputado no Parlamento Europeu de 1999 a 2009, na Assembleia da República em 1992-1993 e na Assembleia Regional dos Açores em 1990-1991. Foi professor convidado no ISEG 1995-1996, bem como no ISCAL. É autor de alguns livros em economia e relações internacionais.
310 Artigos
0 COMENTÁRIOS

A candidatura diesel

Mesmo com as mais eficazes filtragens, a quantidade de metais pesados (arsénico, chumbo, cádmio, etc.) de óxidos nítricos, partículas finas que o nosso organismo...

O triunfo da paranóia

Finalmente, a sua extradição não se revelou possível porque a Tunísia não o tinha reconhecido antes como seu cidadão. E o que foi feito perante...

Pós-verdade

A fotografia do General Qasem Soleimani – comandante dos guardas revolucionários iranianos – entre as ruínas de Aleppo ilustra de forma crua a proclamação...

Comboios perdidos

A estação é um símbolo de urbanidade, e o estudo limita-se a observar o carácter rural do voto, que poderia ser de resto confirmado...

Albânia, o bastião da Europa

Neste canto da Europa, os ditadores semearam bunkers, fuzilamentos e pobreza mas não conseguiram apagar a tolerância para com o outro e a vontade...

No fio da navalha

Uma vitória no referendo às reformas constitucionais propostas pelo primeiro-ministro Renzi – pouco provável mas não impossível no momento em que escrevo – daria...

“Os grandes cemitérios sob a Lua”

A exumação dos restos mortais de 52 pessoas – bala na nuca, algemas nos pulsos – em Porreres, em Novembro deste ano, terá sido...

Angola em renovação

“Transparências e luta contra a corrupção por uma boa governação e defesa dos direitos humanos” assim se intitulou a conferência internacional inaugurada pelo Ministro...

Constantinopla!

Na Áustria, temos a repetição da segunda volta das eleições presidenciais, com a votação original considerada irregular pelo Tribunal Constitucional. A extrema-direita parte favorita...

Pena de morte para a dissidência espiritual

Governar em nome de Deus Só que na teocracia iraniana – que pretende governar em nome de Deus – a espiritualidade é a maior ameaça...

Últimas notícias

- Publicidade -