Diário
Director

Independente
João de Sousa

Domingo, Julho 14, 2024

Concerto encerrou estágio de orquestra da banda de Torres Vedras

Joaquim Ribeiro
Joaquim Ribeiro
Jornalista

estagiobanda

… mas também de muitos outros pontos do país.

O primeiro estágio, em 2012, contou com 70 músicos. Em 2014 voltou a ser um sucesso, com a participação de 82 músicos oriundos de diversas bandas filarmónicas. Este ano a fasquia voltou a subir, batendo o recorde de participantes das duas edições anteriores.

No salão nobre do quartel dos bombeiros torrienses teve lugar o concerto de encerramento, com os 105 músicos que frequentaram o estágio, os seis alunos de direcção musical e mais alguns instrumentistas da banda local, o que resultou num impressionante concerto com uma orquestra de 140 músicos e sete maestros (contando com Rui Silva, maestro da banda dos bombeiros e da Banda da Força Aérea).

O programa do concerto teve cinco peças. Começou com “A.B.A. Symphonic March”, de John Cheetham, sob a direção do aluno de direção Rui Ferreira. Seguiu-se “Undecim”, de Randall D. Standridge, cuja orquestra foi dirigida por outro aluno de direcção, João Raquel. A peça “Sòlas Ané”, de Samuel R. Hazo, teve direcção do aluno Francisco Maia. A peça seguinte foi dirigida por dois alunos de direcção, Rui Nascimento e Fausto Santos, “Star Trek – Symphonic Suite”, de M. Giacchino, A. Sourage e G. Roddenberry, com arranjo de Jay Bocook. Por fim foi ouvida a peça “Proud Mary”, de John Fogerty, dirigida pela aluna maestrina Débora Severiano, peça que foi repetida mas já com direcção de Rui Silva.

O estágio dividiu-se em três componentes formativas: orquestra de sopros, masterclass instrumental e direcção musical. Para além do estágio de direcção, a cargo do maestro Rui Silva, houve outras classes a funcionar, orientadas por Marco Silva (flauta transversal), Adriano Sardinha (clarinete), Ricardo Branco (saxofone), Fernando Ferreira (trompete), Filipe Cordeiro (trompa), Rodrigo Lage (trombone), Gonçalo Marques (eufónio e tuba) e Paulo Carvalho (percussão). Houve ainda uma classe de fagote, com apenas dois alunos.

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -