Diário
Director

Independente
João de Sousa

Sexta-feira, Outubro 22, 2021

Saiba que a minha solidão é uma vitória

Beatriz Aquino
Formada em Publicidade e Propaganda. É escritora e atriz de teatro. Nascida no Brasil a viver em Portugal.

Poema inédito de Beatriz Aquino

Saiba que a minha solidão é uma vitória

Saiba que a minha solidão é uma vitória.
É o preço que pago por dizer ‘eu sou’.

Meus passos são incertos porque ousaram abandonar a cômoda esteira.
Meu horizonte é sem fronteiras.
Minha embarcação é o meu corpo.
Minha coragem tem ajustado minhas velas para um largo amanhecer.
Meu gesto possui a força de mil homens.
E meu verbo não diz nada que eu não sinta.

Peço perdão pela ousadia.
Sei que a minha existência vos é incômoda.
Eu que não tomo, comedida,
o chá das cinco.
Que não digo amém para a barbárie velada em vossas frases.

Nada temam.
Pessoas como eu logo haverão de quebrar-se ao vento;
A insistência no modo.
A cera nas asas de Ícaro.
O sol.

Logo haverei de ser aceno.
E meu nome não mais vos representará ameaça.
Minha alma branca e leve haverá de dançar no azul de um céu infinito.
E será acolhida com folga,
nos braços da poesia.

Então vossas crianças repetirão meus versos.
E eu rirei de vossos pés de chumbo…

Receba a nossa newsletter

Contorne o cinzentismo dominante subscrevendo a nossa Newsletter. Oferecemos-lhe ângulos de visão e análise que não encontrará disponíveis na imprensa mainstream.

Artigo anteriorGrito do silêncio
Próximo artigoLisboa
- Publicidade -

Outros artigos

- Publicidade -

Últimas notícias

Mais lidos

- Publicidade -