Diário
Director

Independente
João de Sousa

Segunda-feira, Agosto 2, 2021
- Publicidade -

Nome do autor

Vítor Burity da Silva, Angola

Ph.D em Filosofia das Ciências Políticas. Doutor Honorário em Literatura e Filosofia. Professor Universitário Auxiliar. Investigador Auxiliar. Escritor.
147 Artigos
0 COMENTÁRIOS

Ao Fundo Pitangas

Nas ruas, magotes de raros passos, de tudo e todos, ali seguindo todos os vãos, e nada vãos, todos os momentos como quem inventara...

Ao Fundo Pitangas

Vivo nestes cobertores quentes, desta vida estimulada pelas mãos da noite. Cubro-me quente e repito o sono. Repenso os planos da vida e descanso. 13 As...

Ao Fundo Pitangas

Passo, quase indiferente, parcialmente consciente e quase ali presente, resvalo as margens com história, as margens que brilham um silêncio invulgar, ou da janela...

Ao Fundo Pitangas

Escuto do longe o voo rendido das andorinhas. O telhado húmido numa silhueta lúgubre, não os meus passos, em mim ninguém manda a não...

Ao Fundo Pitangas

O telefone rangia na mala a tua filha mãe estás onde?, nua, nas minhas mãos o curso contigo e Lisboa sem sons que importavam,...

Ao Fundo Pitangas

Um dia, o desejo de partir num voo rasteiro arredondando a falésia como a cor dos flamingos, ao longe, largar este cansaço na alma,...

Ao Fundo Pitangas

Quatro montinhos de areia a fazerem de baliza e eu nada daquilo entendia, que falta de jeito para o futebol sempre tive. 8 Quatro montinhos de...

Ao Fundo Pitangas

Como dois amigos, sabes, aqui sentados nestes troncos à beira da estrada, fala da tua vontade ou tuas vontades. 7 Bem cedo o sangue mergulhava as...

A importância da filosofia da educação, ciência e regulamentação em Angola

Dissertação de Pós-Doutoramento de Victor Manuel Amaro Burity da Silva, 2021 Chacina. Talvez a expressão mais adequada ao ensino em Angola. Um país que não...

O mentecapto

Dores no joelho esquerdo, e no direito, mas também no peito, na mente de quem nunca se encontrou, alguém perdido na sua própria inconsciência,...

Ao Fundo Pitangas

Perguntava-lhe sem levantar os olhos da folha de papel onde devagar, escrevia sonhos de criança em verso e rima, perde-se a tinta, o tempo,...

Ao Fundo Pitangas

As cidades cansam. Sinceramente, nestas varizes que se alongam pelas pernas fartas de filas, de ministérios, dos centros de saúde, da fila do autocarro,...

Ao Fundo Pitangas

Sinto uma falta enorme dos teus beijos, este espaço é demasiado fechado para os meus horizontes, aglutinado nas tuas paredes, engolido pela tua ausência,...

Ao Fundo Pitangas

Foram apenas horas passadas e secaram no vento como silêncio. Foram apenas momentos que o presente pretendia para divagar. Foram apenas delírios e ilusões,...

Ao Fundo Pitangas

Sorrisos intervalam, minutos após minutos, qual diálogo, preso à vontade das horas, a vida dispersa urge, cresce, entretidos certamente, viajam como delírios e sem...

Últimas notícias

- Publicidade -